Consumo

“Bombons Coração”. O regresso dos anos 70 e 80 em chocolate

À venda a partir de 3,99€
À venda a partir de 3,99€

Nos anos 70 e 80 faziam as delícias dos mais gulosos e eram líderes de mercado. Agora, a Imperial, maior fabricante nacional de chocolate, vai relançar os famosos “Bombons Coração”, um produto vendido pela Regina.

Os bombons em forma de coração são recheados com pedaços de amêndoa e são uma das novidades apresentadas pela marca como sugestão de presente de Natal.

Os chocolates estão à venda em grandes superfícies e lojas gourmet em todo o país e a partir de 3,99 euros. O regresso dos bombons é da responsabilidade da empresa do grupo RAR, representante das marcas Jubileu, Regina, Pintarolas, Pantagruel, Allegro e Fantasias, entre outras.

Com um volume de negócios de 20 milhões de euros, a empresa exporta 20% do seu volume de vendas para mais de 35 países.

Comentários
Outras Notícias que lhe podem interessar
Outros conteúdos GMG
Hoje
O primeiro ministro, António Costa, fala aos jornalistas durante a conferência de imprensa realizada no final da reunião do Conselho de Ministros, no Palácio da Ajuda, em Lisboa, 04 de junho de 2020. MANUEL DE ALMEIDA / POOL/LUSA

Governo vê economia a crescer 4,3% em 2021 e desemprego nos 8,7%

A ministra do Trabalho, Solidariedade e Segurança Social, Ana Mendes Godinho, durante a conferência de imprensa após a reunião extraordinária da Comissão Permanente de Concertação Social por video-chamada, no Ministério da Economia, em Lisboa, 16 de março de 2020. RODRIGO ANTUNES/LUSA

Segunda fase do lay-off custa mais de 700 milhões de euros

Jorge Rocha de Matos, presidente da Fundação AIP. Foto: direitos reservados

Rocha de Matos: IVA devia ser de 6% em todos os eventos para ajudar o turismo

“Bombons Coração”. O regresso dos anos 70 e 80 em chocolate