Casa do Impacto muda de espaço para acolher o triplo das startups

Nascida há três anos, incubadora de impacto social da Santa Casa de Lisboa já injetou dois milhões de euros na economia e apoiou um total de 48 startups.

A Casa do Impacto vai mudar de espaço. A incubadora de impacto social da Santa Casa de Lisboa vai passar da Baixa para a zona oriental de Lisboa, segundo o anúncio feito na quarta-feira pela sua líder, Inês Sequeira. Ao fim de três anos, a incubadora já injetou dois milhões de euros na economia e apoiou um total de 48 startups.

Desde há três anos no Convento de São Pedro de Alcântara, a Casa do Impacto vai passar para o Lisboa Social Mitra, centro de inovação social localizado na freguesia de Marvila, a algumas centenas de metros do Hub Criativo do Beato.

"A zona oriental de Lisboa marca um futuro promissor para o país. O Lisboa Social Mitra, no antigo espaço da Mitra, vem integrar a vertente social nas zonas do Beato e Marvila, que serão o novo pólo do empreendedorismo da cidade, impulsionado pelo Hub Criativo do Beato. O impacto faz seguramente parte desse futuro, o que vai permitir dinâmicas pela proximidade geográfica de várias entidades muito relevantes e no lançamento do que se faz de melhor e mais inovador em Portugal. A economia só faz sentido se for assim, também social", salientou Inês Sequeira durante o evento do terceiro aniversário da Casa do Impacto, na freguesia de Marvila.

A data da transição ainda não está definida. Para já, sabe-se apenas que o novo local da Casa do Impacto poderá acolher o triplo das startups que cumpram com algum dos 17 Objetivos para o Desenvolvimento Sustentável das Nações Unidas. Diversidade e inclusão, emprego, saúde, educação e ambiente são as áreas em destaque.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG

Patrocinado

Apoio de