fazedores

Cinco startups portuguesas procuram o milhão da Chivas

Final do Chivas Venture irá decorrer na Europa. Foto: DR
Final do Chivas Venture irá decorrer na Europa. Foto: DR

Fundo Chivas Venture realiza final nacional dia 24 de janeiro. A melhor startup vai representar Portugal num programa de aceleração exclusivo.

Já são conhecidas as cinco startups que vão participar na final nacional do Chivas Venture. PavNext, Positive Benefits, Speak, BeON e Agroop: uma destas finalistas vai representar Portugal na grande final do concurso organizado pela marca Chivas Regal, em maio, onde poderá ganhar até um milhão de dólares (873,6 mil euros).

A melhor startup portuguesa será escolhida dia 24 de janeiro no Estúdio da Time Out, no Mercado da Ribeira, em Lisboa. O vencedor será escolhido por um júri local constituído pelo empresário Tim Vieira; a jornalista Fernanda Freitas; o líder da associação Junior Achievement, Frederico Fezas Vital; e ainda Diana Nunes, da Academia de Código, a startup que ganhou o Chivas Venture em 2018.

O vencedor de cada país irá depois viajar para o Reino Unido para participar num programa de aceleração exclusivo, organizado pelo clube The Conduit, que serve de lar para uma comunidade diversificada de pessoas que são apaixonadas por mudanças sociais. O programa intensivo incluirá formação individual e um conjunto de sessões de aprendizagem para empreendedores sociais.

Depois do programa de aceleração, irá decorrer uma votação online, em que serão distribuídos os primeiros 100.000 dólares. O Chivas Venture 2019 vai terminar com uma série de apresentações na final global que ser irá realizar na Europa, onde os finalistas irão disputar o restante montante do fundo de um milhão de dólares.

Conheça as cinco startups portuguesas finalistas:

PavNext

A Pavnext desenvolve pavimentos tecnológicos através de uma tecnologia que para além de gerar energia com uma elevada eficiência também consegue reduzir a velocidades dos veículos sem ação do condutor e monitorizar tráfego e energia, otimizando os consumos elétricos em tempo real.

Positive benefits

A Positive benefits pretende reunir designers e artesãos através de técnicas de design thinking a fim de criarem novos produtos que respeitem as técnicas tradicionais, sempre com foco na sustentabilidade ambiental.

SPEAK

O SPEAK foi criado com o objetivo de resolver o problema da exclusão social de migrantes, através de um programa de partilha de conhecimentos linguísticos e culturais. Qualquer pessoa se pode voluntariar para ensinar uma língua e cultura do seu conhecimento em troca da participação como aluno de uma nova língua e cultura.

BeON energy

A BeON energy surgiu da necessidade de dar acesso à energia renovável às massas. E assim, surge a ideia de transformar um Painel Solar num eletrodoméstico que se liga a uma tomada e produz energia para a casa, tão fácil de montar, tão seguro e tão barato como um eletrodoméstico.

Agroop

A Agroop surgiu para desenvolver soluções tecnológicas para o setor agrícola com o intuito de contribuir para a sustentabilidade do mesmo. Consegue recolher parâmetros físicos in loco na exploração agrícola e trabalhar esses dados por forma a emitir recomendações de rega mais ajustadas e a identificar fatores de risco, como pragas, doenças e fungos de forma mais localizada.

Comentários
Outras Notícias que lhe podem interessar
Hoje
Antonoaldo Neves, CEO da TAP Air Portugal. Foto:  REUTERS/Regis Duvignau

TAP obtém empréstimo de 137 milhões de euros

Mário Centeno, ministro das Finanças
( Pedro Rocha / Global Imagens )

Portugal com 2.º maior excedente orçamental no 3.º trimestre

(Leonardo Negrão/Global Imagens)

Foram vendidas 500 casas por dia em 2018

Outros conteúdos GMG
Conteúdo TUI
Cinco startups portuguesas procuram o milhão da Chivas