Comunidade Portuguesa

Connect Portugal. Rede quer juntar os talentos portugueses no estrangeiro

Inês Santos Silva é a criadora da Connect Portugal. Fotografia: DR
Inês Santos Silva é a criadora da Connect Portugal. Fotografia: DR

A comunidade já está presente em Boston, Berlim, Basileia e Londres e a caminho de Paris, Nova Iorque e São Paulo.

“Em 2011, estava eu a viver em Zurique e senti em primeira mão o quão difícil é ligarmo-nos a outros portugueses no estrangeiro, mas também o valor que dessas ligações pode surgir”, conta Inês Santos Silva, num comunicado enviado às redações. A fazedora, que em 2016 já tinha lançado a comunidade Portuguese Women in Tech, em conjunto com Liliana Castro, decidiu então avançar com a criação da rede Connect Portugal, cujo principal objetivo é ligar o talento português espalhado pelo mundo e potenciar a imagem de Portugal no mundo.

Dirigida a pessoas entre os 20 e os 40 anos, com perfil de liderança nas suas áreas, a comunidade já está presente em Boston, Berlim, Basileia e Londres e a caminho de Paris, Nova Iorque e São Paulo. O projeto surge face à fuga de talento – com milhares de jovens portugueses altamente qualificados espalhados pelo mundo, – com fraca ligação a Portugal.

A rede está organizada por hubs, cada um com o seu embaixador local. “Todos têm ótimas impressões acerca do talento português; esta é a conclusão a que cheguei após ter passado por vários países nos últimos anos. No entanto, nós portugueses – mesmo vivendo na mesma cidade – acabamos por, muitas vezes, nem nos conhecer, quanto mais partilhar experiências e ajudarmo-nos”, indica João Oliveira, embaixador da comunidade em Berlim. “A Connect Portugal pode ter esse papel importante de ligar o talento português entre si e a Portugal, ajudando empresas e profissionais a terem uma visão ainda mais internacional”.

As pessoas que aderirem à rede poderão contar com networking; ligação a empresas, startups e outras organizações portuguesas (através de eventos, programas de mentoria, entre outros); e partilha de conhecimento sobre as mais variadas áreas, de forma a potenciar o desenvolvimento pessoal e profissional. Até ao final do ano, a Connect Portugal pretende crescer para mais hubs e ainda organizar um grande evento internacional. Para fazer parte, basta submeter uma candidatura em www.connectportugal.pt.

Comentários
Outras Notícias que lhe podem interessar
Hoje

Página inicial

Fotografia: Fábio Poço/Global Imagens

Boom de queixas contra agências imobiliárias

O ex-presidente da Three Gorges e António Mexia, na assinatura da privatização

Quanto renderam em dividendos as empresas vendidas pelo Estado?

Outros conteúdos GMG
Conteúdo TUI
Connect Portugal. Rede quer juntar os talentos portugueses no estrangeiro