dia da manufatura

Prodsmart quer criar o Dia da Manufatura em Portugal

Gonçalo Fortes, da Prodsmart. Fotografia: Orlando Almeida / Global Imagens
Gonçalo Fortes, da Prodsmart. Fotografia: Orlando Almeida / Global Imagens

Efeméride criada por Barack Obama celebra-se esta sexta-feira nos Estados Unidos

A startup portuguesa Prodsmart quer importar o Dia da Manufatura para Portugal. A efeméride, que se celebra esta sexta-feira nos Estados Unidos, foi uma iniciativa lançada pelo presidente norte-americano Barack Obama e é uma oportunidade que o setor da indústria aproveita para abrir portas aos curiosos, mostrando como funcionam as suas fábricas.

“Queremos que o Dia Nacional da Manufatura seja uma homenagem a todos os “soldados desconhecidos” que todos os dias picam o ponto para que nunca nos falte nada”, indica Gonçalo Fortes, CEO da Prodsmart, em comunicado.

A ideia é celebrar a data em Portugal, já no próximo ano, numa iniciativa que conta, para já, com o apoio de Pedro Matias, presidente do grupo ISQ, e do ex-secretário de Estado da Indústria, João Vasconcelos. “A indústria é um dos fatores que sempre fez avançar a economia e a sociedade. É por isso, da mais elementar justiça, honrar e celebrar todos aqueles que tantas vezes, de modo anónimo, contribuem para a criação de riqueza”, afirma Pedro Matias.

Os industriais que se queiram associar à iniciativa, que será celebrada a 4 de outubro de 2018, podem já inscrever-se num site criado para o efeito (link aqui). “Há muitas pessoas que acham que trabalhar numa fábrica não é prestigiante. Mas está mais do que provado que o sector industrial é um dos principais motores de desenvolvimento da classe média de um país. Já para não falar que é uma área que tem tido bastante inovação mas que ainda tem muito para melhorar. E para isso é preciso atrair talento”, reforça Gonçalo Fortes.

A Prodsmart é uma startup portuguesa que ajuda na digitalização dos processos industriais e que, em agosto, angariou investimento da 500 Startups e expandiu a sua operação para os Estados Unidos.

Comentários
Outras Notícias que lhe podem interessar
Hoje
Foto: DR

Telecomunicações: Há sete anos que preços sobem mais do que na UE

Fotografia: RODRIGO ANTUNES/LUSA

Acordo à vista para alargamento das 35 horas a 30 mil trabalhadores

31145227_GI240418JF040_WEB

Ryanair tem até 30 de junho para travar greve europeia

Outros conteúdos GMG
Prodsmart quer criar o Dia da Manufatura em Portugal