FAZ – Ideias de Origem Portuguesa reconhecido no European Enterprise Promotion Awards

Arquiteto José Paixão, um dos vencedores da iniciativa em 2013
FAZ - Ideias de Origem Portuguesa, promovido pela Fundação Calouste Gulbenkian, venceu a fase nacional dos European Enterprise Promotion Awards (EEPA), na categoria de Empreendedorismo Responsável e Inclusivo."> Arquiteto José Paixão, um dos vencedores da iniciativa em 2013

O FAZ - Ideias de Origem Portuguesa, promovido pela Fundação Calouste Gulbenkian, venceu a fase nacional dos European Enterprise Promotion Awards (EEPA), na categoria de Empreendedorismo Responsável e Inclusivo.

O projeto português foi um dos dois selecionados
entre 53 candidaturas para representar Portugal na fase final
europeia do Prémio, que terá lugar nos dias 2 e 3 de outubro, em
Nápoles, Itália.

Os European
Enterprise Promotion Awards constituem uma iniciativa da
Comissão Europeia que visa distinguir boas práticas de promoção
do empreendedorismo na Europa.

Ler mais: Estas startups são as 5 finalistas aos prémios Jovem Empreendedor

O vencedor da 1.ª edição do FAZ – Ideias de Origem Portuguesa foi o arquiteto
José Paixão, então residente em Viena, que consistia na
reabilitação a custo zero de edifícios devolutos. José Paixão
regressou entretanto a Portugal para desenvolver o projeto e o
Arrebita! Porto, que é hoje um caso de estudo enquanto modelo inovador de
promoção de reabilitação urbana e a sua primeira obra será
inaugurada no final deste verão.

No ano passado foram ainda distinguidos os
projetos Fruta Feia (2.º lugar) e Rés-do-Chão (3.º lugar). O projeto vencedor em 2013 foi a criação da Orquestra XXI, que
reúne jovens músicos portugueses espalhados pelas melhores
orquestras mundiais.

O FAZ – Ideias de Origem Portuguesa, criado pela Fundação Calouste
Gulbenkian em 2010, é um
concurso concebido para encontrar e apoiar projetos de
empreendedorismo social, nas áreas do ambiente e sustentabilidade,
inclusão social, diálogo cultural e envelhecimento. Projetos esses
desenvolvidos
por cidadãos portugueses fora que formam equipa com
portugueses residentes em Portugal para implementar os projetos no
nosso país.

Comentários
Outras Notícias que lhe podem interessar
Hoje
EUA China

China retalia na ‘guerra’ com os EUA com tarifas em 75 mil milhões de bens

Emmanuel Macron, presidente francês. Fotografia: Direitos Reservados

Fogos na Amazónia: França e Irlanda ameaçam bloquear acordo com Mercosul

O ministro do Ambiente e da Transição Energética, João Pedro Matos Fernandes, intervém durante uma conferência de imprensa para fazer o ponto de situação sobre a crise energética, no Ministério do Ambiente e da Transição Energética, em Lisboa, 13 de agosto de 2019. JOÃO RELVAS / LUSA

Ministro do Ambiente: “Há cada vez mais condições” para que greve não aconteça

Outros conteúdos GMG
FAZ – Ideias de Origem Portuguesa reconhecido no European Enterprise Promotion Awards