Aceleração

Pavnext: Piso que desacelera carros e gera energia vence Big Smart Cities

Percorra a galeria de imagens acima clicando sobre as setas.

Além do prémio monetário de 10 mil euros, esta startup vai a visitar a sede da Ericsson, em Estocolmo, e os respetivos polos de inovação

A Pavnext foi a grande vencedora da quinta edição do concurso de empreendedorismo Big Smart Cities. Esta startup está a desenvolver uma solução que conjuga a segurança rodoviária com a eficiência energética: ao captar a energia cinética dos veículos, reduzindo a sua velocidade junto às passadeiras. A energia captada é convertida em energia “limpa” e que pode ser utilizada, por exemplo, na iluminação pública.

Graças a esta proposta, a Pavnext conquistou um prémio monetário de 10 mil euros, incubação no Vodafone Power Lab – laboratório de inovação desta telecom – e o direito a visitar a sede da Ericsson, em Estocolmo, e os respetivos polos de inovação.

Criada por um engenheiro eletrotécnico (Francisco Duarte), um gestor (João Champalimaud) e uma designer (Sílvia Soares), a solução da Pavnext começará a ser testada em setembro em Cascais, a primeira cidade experimental para startups. O mesmo irá acontecer com outras três startups: a Tram Grid, a Smart Forest, que ganharam 2500 euros em prémio monetário, e a Tibu.

A Tram Gird ganhou o prémio Vodafone, ao apresentar um carregador rápido de veículos elétricos que se ‘alimenta’ das redes aéreas dos elétricos / comboios para gerar energia.

A Smart Forest venceu o prémio Ericsson com uma solução de rede integrada de sensores, cuja informação pode ser facilmente consultada e utilizada, por exemplo, para a mitigação do risco de incêndio.

A Tibu foi a aplicação que garantiu a menção honrosa, ao ter obtido o prémio do público. Esta aplicação móvel conecta viajantes independentes a pessoas locais com experiência.

Criada em 2013, a iniciativa Big Smart Cities registou em 2013 a participação de cerca de 240 equipas.

Percorra a galeria de imagens acima clicando sobre as setas.
Comentários
Outras Notícias que lhe podem interessar
Hoje
Fotografia: Orlando Almeida/Global Imagens

Turismo vale 16% da atividade económica portuguesa

Mário Centeno, ministro das Finanças. Fotografia: REUTERS/Rafael Marchante

Défice público cai 59% até ao final de outubro

Marco Schroeder

Marco Schroeder renuncia a cargo de CEO da Oi

Outros conteúdos GMG
Conteúdo Patrocinado
Conteúdo TUI
Pavnext: Piso que desacelera carros e gera energia vence Big Smart Cities