Prémio Inovação NOS

Glintt. GX, nome de código que simplifica processos

Ana Sofia Marta, responsável pelo projeto GX-BPM com Luís Andrade Silva, diretor de IT Consulting da Glintt.
Ana Sofia Marta, responsável pelo projeto GX-BPM com Luís Andrade Silva, diretor de IT Consulting da Glintt.

Multinacional portuguesa criou um software que tem como objetivo tornar processos básicos mais rápidos, eficazes e fáceis de concretizar

O nome é enigmático mas o segredo é outro: o código GX-BPM designa muito mais do que um código difícil de entender. O software, criado pela Glintt e um dos projetos finalistas do Prémio Inovação NOS na categoria Grandes Empresas, trabalha como gestor de processos informatizado assente numa plataforma da IBM. O que, trocando por miúdos, não é mais do que um facilitador: a ideia é simplificar processos básicos mas que, ao mesmo tempo, roubam muito tempo às empresas.

“Normalmente, os projetos desta componente tecnológica BPM têm um ciclo de vida muito longo e são para processos críticos. Contudo, nas organizações, cerca de 65% dos processos denominados simples gravitam dentro da organização sem muito controlo formal, por email, fax, ou mesmo por papel. O GX veio permitir a democratização da utilização da ferramenta BPM nesses processos mais simples, para fazer essa modelização“, esclarece Luís Andrade Silva, diretor de IT Consulting da Glintt.

No caso da empresa, por exemplo, o software é usado na avaliação de desempenho de trabalhadores. Mas o GX-BPM foi desenvolvido em parceria com o Novo Banco e usado na simplificação de processos como a alteração de morada dos clientes do banco.

Com áreas de negócio em sectores como o farmacêutico, de gestão hospitalar, energia e sistemas de informação, banca e seguros, entre outros, a Glintt nasceu da fusão entre a Consiste e a ParaRede.

Com uma equipa de cerca de 1900 pessoas e um volume de negócios de 80,2 milhões de euros em 2014, o mercado português representa a grande maioria dos negócios da Glintt, sobretudo nos sectores da banca, telecomunicações e administração pública. Polónia, Bélgica, Brasil e Angola, onde a empresa já tem escritórios, lideram os mercados internacionais, que já representam 25% da faturação da empresa, que já opera em três continentes, com particular importância nos mercados ibérico, angolano e latino-americano.

Conheça aqui todos os finalistas do Prémio Inovação NOS.

Comentários
Outras Notícias que lhe podem interessar
Hoje
Caixa Geral Depósitos CGD Juros depósitos

Caixa perdeu 1300 milhões com créditos de grandes devedores

Ursula von der Leyen foi o nome nomeado para presidir à Comissão Europeia. (REUTERS/Francois Lenoir)

Parlamento Europeu aprova Von der Leyen na presidência da Comissão

Christine Lagarde, diretora-geral demissionária do FMI. Fotografia: EPA/FACUNDO ARRIZABALAGA

Christine Lagarde demite-se da liderança do FMI

Outros conteúdos GMG
Glintt. GX, nome de código que simplifica processos