Prémio

Inclusão financeira vale prémio para a Go Parity

Luís Couto e Nuno Brito Jorge, fundadores da plataforma Go Parity. Fotografia: DR
Luís Couto e Nuno Brito Jorge, fundadores da plataforma Go Parity. Fotografia: DR

A plataforma portuguesa de financiamento coletivo por empréstimo Go Parity recebeu uma bolsa de 25 mil euros. A startup portuguesa foi considerada como um dos melhores projetos que contribui para a melhoria da saúde financeira de pessoas com baixos e médios rendimentos. Este prémio foi entregue durante a competição ibérica MetLife Foundation Inclusion Plus.

Além da bolsa de 25 mil euros, a plataforma portuguesa terá acesso à final mundial desta competição, que vai decorrer em outubro em Nova Iorque. Fundada por Luís Couto e Nuno Brito Jorge, a Go Parity ajuda associações e empresas a obter financiamento para projetos que respondam a alguns dos objetivos de desenvolvimento sustentável das Nações Unidas.

Portugal também se destacou nesta final ibérica graças à Raize. A bolsa de empréstimos para pequenas e médias empresas recebeu um prémio de 4 mil euros por ter sido uma das startups finalista desta competição.

Comentários
Outras Notícias que lhe podem interessar
Hoje
Dos blueprints  dos primeiros automóveis, ao topo dos carros elétricos atuais, de elon Musk, em homenagem, a Nikolas Tesla.
Ilustração: VITOR HIGGS

Automóvel. Em 20 anos do euro mudou tudo, menos a carga fiscal e o líder

João Vieira Lopes, presidente da Confederação do Comércio e Serviços.
(Jorge Amaral/Global Imagens)

Vieira Lopes: “Metas do governo são realistas mas é preciso investimento”

A EDP, liderada por António Mexia, vai pagar o maior cheque de dividendos da bolsa nacional.

PSI20. Menos lucros mas o mesmo prémio aos acionistas

Outros conteúdos GMG
Conteúdo TUI
Inclusão financeira vale prémio para a Go Parity