Prémio

Inclusão financeira vale prémio para a Go Parity

Luís Couto e Nuno Brito Jorge, fundadores da plataforma Go Parity. Fotografia: DR
Luís Couto e Nuno Brito Jorge, fundadores da plataforma Go Parity. Fotografia: DR

A plataforma portuguesa de financiamento coletivo por empréstimo Go Parity recebeu uma bolsa de 25 mil euros. A startup portuguesa foi considerada como um dos melhores projetos que contribui para a melhoria da saúde financeira de pessoas com baixos e médios rendimentos. Este prémio foi entregue durante a competição ibérica MetLife Foundation Inclusion Plus.

Além da bolsa de 25 mil euros, a plataforma portuguesa terá acesso à final mundial desta competição, que vai decorrer em outubro em Nova Iorque. Fundada por Luís Couto e Nuno Brito Jorge, a Go Parity ajuda associações e empresas a obter financiamento para projetos que respondam a alguns dos objetivos de desenvolvimento sustentável das Nações Unidas.

Portugal também se destacou nesta final ibérica graças à Raize. A bolsa de empréstimos para pequenas e médias empresas recebeu um prémio de 4 mil euros por ter sido uma das startups finalista desta competição.

Comentários
Outras Notícias que lhe podem interessar
Outros conteúdos GMG
Hoje
A ministra do Trabalho, Solidariedade e Segurança Social, Ana Mendes Godinho. ANTÓNIO PEDRO SANTOS/LUSA

1400 empresas já pediram para aderir ao novo lay-off, apoios só a 28 de abril

Algarve, Portugal. Fotografia: D.R.

Algarve lança campanha. “Fiquem em casa para regressarem com mais saudade”

Veículos da GNR durante uma operação stop de sensibilização para o cumprimento do dever geral de isolamento, na Autoestrada A1 nas portagens dos Carvalhos/Grijó no sentido Sul/Norte, Vila Nova de Gaia, 29 de março de 2020. MANUEL FERNANDO ARAÚJO/LUSA

Mais de 80 detidos e 1565 estabelecimentos fechados

Inclusão financeira vale prémio para a Go Parity