Nutrium capta 4,25 milhões de euros em ronda de investimento

Este investimento permitirá à startup de Braga duplicar a equipa, focar-se no desenvolvimento da plataforma e trabalhar na expansão internacional.

A Nutrium, startup de Braga que desenvolveu uma plataforma para acompanhamento nutricional profissional, arrecadou um investimento de 4,25 milhões de euros numa ronda seed liderada pela Indico Capital Partners. Esta ronda de investimento contou também com a participação do Fundo para a Inovação Social (FIS) e dos atuais investidores Primavera BSS, Portugal Ventures e SBS StartupBraga, que reforçaram a participação na empresa.

Em comunicado, a Nutrium indica que, desde a última ronda de investimento, em 2017, "desenvolveu significativamente o seu produto e estratégia comercial". A empresa disponibiliza um software de nutrição em que os nutricionistas recorrem a uma plataforma web, através de browser, podendo prescrever aos pacientes um acompanhamento através de uma aplicação para smartphone.

Em Portugal, a startup indica que conta com mais de mil nutricionistas ativos. Com presença em países como Espanha, França, Itália, Estados Unidos e Reino Unido o número de profissionais de nutrição que recorrem a este software eleva-se para 80 mil, com cerca de 800 mil pacientes.

Com esta ronda de 4,25 milhões a empresa indica que pretende "duplicar a equipa em 24 meses". Atualmente, a equipa é composta por 22 pessoas. André Santos, CEO e co-fundador da Nutrium, explica ao Dinheiro Vivo que o objetivo passa por chegar "às 60 pessoas", com contratações ligadas a departamentos como "produto e engenharia, operação internacional e marketing", sendo que nestes dois últimos casos estarão em aberto vagas para posições de liderança. Embora já tenha presença internacional, a startup quer reforçar as operações nos mercados externos.

A Nutrium afirma que pretende "continuar a dar resposta a um dos maiores problemas sociais da atualidade - má alimentação e doenças associadas", indicando que, através deste investimento, "milhões de pacientes terão acesso à experiência de acompanhamento mais completa e integrada do mercado, que combina aconselhamento profissional, acompanhamento contínuo e acesso rápido a produtos e suplementos relacionados."

"Estamos muito felizes por dar as boas-vindas à Indico Capital Partners como nossos investidores. A sua experiência, ambição e rede de contactos serão essenciais para que a Nutrium possa reforçar a sua posição no mercado da nutrição clínica a nível global. Além disso, é com muito orgulho que vemos os atuais acionistas a reforçar significativamente a sua confiança na equipa e estamos muito satisfeitos por contar com a participação do Fundo para a Inovação Social. Este é mais um passo significativo para a nossa missão de promover a melhoria de hábitos alimentares a milhões de pessoas em todo o mundo", afirma André Santos.

Já Stephan Morais, managing general partner da Indico indica que a startup "irá tornar-se uma plataforma integrada que irá aproximar nutricionistas, pacientes, produtos e dados de saúde na promoção de vidas mais saudáveis e felizes", destacando o apoio por parte da Indico com "capital e conhecimento".

Marco Fernandes, Presidente da PME Investimentos comenta que "o Fundo para a Inovação Social está totalmente alinhado com a visão da Nutrium", acreditanto "que o impacto da digitalização do setor da nutrição pode ter um enorme impacto positivo a nível global."

José Dionísio, Co-CEO da Primavera BSS, que reforçou a posição, indica que a empresa está satisfeita "por ter confiando no instinto e acreditado no objetivo de mudar o mundo através de uma melhor nutrição."

"Em 2017, quando a Portugal Ventures investiu na ronda pre-seed da Nutrium, a empresa estava presente maioritariamente em dois mercados. Hoje, a Nutrium opera em mais de 40 mercados, tendo aumentado a sua faturação de forma exponencial. É com orgulho que acompanhamos a expansão internacional da Nutrium, continuando a contribuir para a aceleração deste negócio singular no domínio das plataformas de nutrição e aconselhamento nutricional existentes no mercado", diz Rui Ferreira, vice-presidente da Portugal Ventures sobre esta ronda de investimento.

Recomendadas

Outros Conteúdos GMG

Patrocinado

Apoio de