mobilidade

Ofo. A líder chinesa das bicicletas partilhadas vem para Portugal

Empresa chinesa está avaliada em mil milhões de dólares e realiza 30 milhões de viagens por dia. Foto: Ofo
Empresa chinesa está avaliada em mil milhões de dólares e realiza 30 milhões de viagens por dia. Foto: Ofo

Portugal torna-se assim no 16º país onde a startup chinesa marca presença.

As bicicletas amarelas da ofo vêm a caminho de Portugal. A vinda da startup chinesa que se destaca pelo serviço de bike sharing sem estações de estacionamento vai ser anunciada esta terça-feira em Cascais.

Em comunicado enviado às redações, a Câmara de Cascais destaca que a ofo é a “primeira plataforma e líder mundial no mercado de bicicletas partilhadas sem estações fixas de estacionamento” e que “nasceu inspirada pelos modelos de economia colaborativa com o objetivo de dar resposta ao desafio da mobilidade nas zonas urbanas”.

Portugal torna-se assim no 16º país onde a startup chinesa marca presença. Fundada em 2014, a ofo está hoje avaliada em mil milhões de dólares, cerca de 850 milhões de euros, e tem mais de 200 milhões de utilizadores em todo o mundo.

A apresentação será feita pelo Presidente da Câmara de Cascais, Carlos Carreiras, e pelo Chefe do Gabinete de Operações da ofo, Zhang Yanqi, que também vai estar presente na Web Summit, no início de novembro.

Comentários
Outras Notícias que lhe podem interessar
Outros conteúdos GMG
Hoje
The World Economic Forum, Davos
Fabrice COFFRINI/AFP

Líderes rumam a Davos para debater a nova desordem mundial

Mário Centeno

Privados pedem ao Estado 1,4 mil milhões de euros em indemnizações

Luis Cabral, economista.
(Leonardo Negrão / Global Imagens)

Luís Cabral: “Pobreza já não é só ganhar 2 dólares/dia”

Ofo. A líder chinesa das bicicletas partilhadas vem para Portugal