Personal Drivers. Ele conduziu o carro quando Madonna esteve em Lisboa

Vítor Nogueira é a prova de que as experiências de distribuir jornais e ser bombeiro podem complementar-se e originar outra: ser motorista do CEO da Coca-Cola Internacional na passagem deste por Portugal. "Queriam um motorista sexta, sábado e domingo e um condutor com curso de primeiros socorros", conta.

Na altura, Vítor, 35 anos, não percebeu que o trabalho com a sua monovolume foi o primeiro passo para a criação da Driver Tours. Porém, Vítor rapidamente notou a saturação do mercado de turismo.

"Havia falta de soluções para os clientes. Conduziam os carros deles ou eram conduzidos, noutros carros. Criei a solução intermédia." A Personal Drivers foi criada em Agosto de 2010 e trabalha sobretudo com aluguer de motoristas com formação específica.

Retrato

A Personal Drivers foi registada em Agosto de 2010. Na empresa trabalham 5 pessoas, mas conta com 180 contactos em Portugal e em cidades como Londres, Paris, Genebra e Berlim. Investimento: 30 mil euros. Facturação em 2010: 42,9 mil euros. Alugar um motorista para conduzir o seu carro custa 35euro/hora. www.personaldrivers.com.pt

Dos carros conduzidos habitualmente fazem parte desde um Opel Corsa de 1988 "de um cliente semanal", a BMW Série 5, Audi A8 ou Mercedes SLS AMG e até blindados, dependendo dos pedidos: embaixadores, administradores de empresas como Steve Ballmer, da Microsoft, e artistas como Madonna fazem parte da carteira de clientes. "Conduzo carros que valem três vezes mais do que a minha casa."

Com quatro motoristas permanentes e mais de 180 contactos espalhados pelo País e por várias cidades europeias, Vítor trata cada carro que conduz como se fosse seu. E guarda religiosamente a nota de 100 dólares que recebeu de gorjeta do CEO da Coca-Cola.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG

Patrocinado

Apoio de