Plataforma de Inteligência Artificial para imobiliário capta um milhão de euros

A startup portuguesa Reatia, que opera no segmento do mercado imobiliário, fechou uma ronda de investimento no valor de um milhão de euros. Olisipo Way, Portugal Ventures e Wisenext são os investidores.

A Reatia é uma startup portuguesa que tem uma plataforma de inteligência artificial agregadora de imóveis disponíveis no mercado. Lançada em 2018, a startup captou uma ronda de investimento de um milhão de euros. A Olisipo Way, a sociedade pública de capital de risco Portugal Ventures e a Wisenext.

Esta startup recorre à inteligência artificial e à programação neurolinguística para agregar informação sobre os imóveis que estão no mercado. Segundo o comunicado, "através da plataforma, os agentes imobiliários podem ter acesso a métricas e informação fidedigna sobre o mercado imobiliário, atualizadas diariamente. A tecnologia desenvolvida pela Reatia permite identificar imóveis duplicados com mais eficácia e rapidez, e aumentando o seu potencial para a escalabilidade do negócio".

Com a ronda de investimento, pretendem quer expandir para outros mercados europeus, quer consolidar-se como líderes no mercado onde já estão. Um dos objetivos em cima da mesa é que, até ao final do primeiro trimestre de 2021, passa por reforçar as equipas de desenvolvimento, vendas e suporte com mais vinte pessoas, só em Portugal. No final de 2021, a equipa deverá ser composta por 50 pessoas.

Hugo Venâncio, fundador e CEO da Reatia, diz em comunicado que: "sabemos que temos um conhecimento único do mercado e sabemos tratar os dados com a inteligência artificial, daí o grande crescimento que tivemos desde o nosso lançamento."

"Durante o tempo de confinamento, aproveitámos o grande fluxo de novos utilizadores, e continuámos a desenvolver novas ferramentas, como a Property Valuation Pro - uma ferramenta de simulação de avaliação de imóveis.", acrescenta.

Recomendadas

Outros Conteúdos GMG

Patrocinado

Apoio de