Fazedores

Portugal Ventures investe 800 mil euros em três startups açorianas

empreendedores, fazedores; startups

Capital de risco pública reforça aposta no ecossistema açoriano, investindo em três startups locais no valor global de quase um milhão de euros.

A Portugal Ventures, sociedade pública de capital de risco, investiu em três startups dos Açores – a Azores Touch, a Cereal Games e a Yara Pets – no montante global de 800 mil euros, de acordo com o comunicado.

A Cereal Games dedica-se ao desenvolvimento de jogos sérios e educativos, recorrendo a tecnologias como Realidade Aumentada, dispositivos móveis e Internet das Coisas. Já a Yara Pets desenvolve e comercializa produtos na área dos animais domésticos.

O investimento nestas duas startups foi concretizado através do Fundo Azores Ventures, criado pela Portugal Ventures em parceria com Governo Regional dos Açores. Este instrumento tem como objetivo “colmatar a falha de mercado para a região dos Açores na dinamização de projetos de inovação e empreendedorismo, bem como aumentar a criação de emprego e competitividade empresarial no arquipélago”.

Já o financiamento da Azores Touch, startup da área do turismo e que “tem como objetivo proporcionar a melhor experiência possível aos visitantes das ilhas Terceira e Graciosa, desde a sua chegada à partida”, foi realizado através através do fundo Turismo Crescimento.

Sérgio Ávila, vice-presidente do Governo Regional, assinala em comunicado que “é fundamental para captarmos investimento, nos dias de hoje, a alavancagem do capital de risco nas startups porque a economia mundial está a mudar, o que nos obriga a adaptar. A postura do Governo será sempre a de apoiar os empreendedores”.

Rui Ferreira, vice-presidente da capital de risco pública, sublinha que estes “novos investimentos resultaram do compromisso assumido pela Portugal Ventures junto do Governo Regional dos Açores, de estreitar relações com o ecossistema do empreendedorismo daquele arquipélago, no sentido de identificar projetos e concretizar investimentos na criação de empresas na Região Autónoma dos Açores, que desenvolvam atividades inovadores e que permitam a fixação de recursos humanos qualificados e que sejam considerados estratégicos para o desenvolvimento da economia regional dos Açores”.

Comentários
Outras Notícias que lhe podem interessar
Outros conteúdos GMG
Hoje
7. Aeroporto de Londres Heathrow

Oficial. Portugal fora do corredor turístico do Reino Unido

O ministro dos Negócios Estrangeiros, Augusto Santos Silva. ANTÓNIO PEDRO SANTOS/LUSA

Decisão do Reino Unido é “absurda”, “errada” e “desapontante”, diz Santos Silva

O primeiro ministro, António Costa.     MANUEL DE ALMEIDA / POOL/LUSA

António Costa admite despedimentos na TAP com menos rotas e aviões

Portugal Ventures investe 800 mil euros em três startups açorianas