Portugal Ventures tem 10 milhões para investir em startups de turismo

Sociedade de capital de risco do Estado vai investir até um milhão de euros em cada projeto, ao abrigo da quarta edição do programa Call Tourism.

A Portugal Ventures tem 10 milhões de euros para as startups da área do turismo. A quarta edição do programa Call Tourism permitirá à sociedade de capital de risco do Estado investir até um milhão de euros por projeto, segundo o anúncio feito esta quarta-feira.

Não há limite no número de projetos a serem apoiados e "esgotaremos a liquidez caso haja projetos elegíveis que o justificam - com maturidade e que respondam aos critérios de investimento", detalha fonte oficial da Portugal Ventures ao Dinheiro Vivo.

A edição deste ano da iniciativa vai focar-se em projetos não tecnológicos nas áreas da hotelaria e de alojamento turístico inovador; atividades de animação e experiência turística com exploração do património paisagístico e cultural: atividades de aproveitamento dos recursos endógenos e revitalização de espaços de interesse cultural.

Serão privilegiadas as ideias que contribuam para os Objetivos de Desenvolvimento Sustentável.

Para isso, terão de ser apresentadas soluções que "promovam a desmaterialização de processos e serviços, reciclagem, reutilização e redução de resíduos, integração de energias limpas, eficiência energética, eficiência hídrica e mobilidade inteligente", assim refere o comunicado de imprensa.

As candidaturas para esta iniciativa podem ser feitas através desta página até 15 de novembro.

Para um dos administradores da Portugal Ventures, Pedro de Mello Breyner, a nova edição do programa "vem dar resposta à necessidade de financiamento de projetos turísticos, especialmente os não tecnológicos, que terão agora oportunidade de serem incluídos no portefólio da Portugal Ventures e serem acompanhados na sua estratégia de crescimento e expansão dos seus negócios".

Desde 2018 que a Portugal Ventures tem apoiado os novos negócios do turismo no programa Call Tourism: das 205 candidaturas resultaram investimentos de 9,5 milhões de euros em 14 projetos turísticos.

No início deste ano, a sociedade de capital de risco do Estado promoveu a Call FIT, para investir em projetos finalistas de programas de ideias na área do turismo.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG

Patrocinado

Apoio de