aquisições

Portuguesa Musicverb vendida a empresa dinamarquesa

Rui Santos Couto (segundo a contar da direita) é um dos fundadores da Musicverb. Foi fotografado no início do ano na incubadora Founders Founders. Fotografia: Adelino Meireles / Global Imagens
Rui Santos Couto (segundo a contar da direita) é um dos fundadores da Musicverb. Foi fotografado no início do ano na incubadora Founders Founders. Fotografia: Adelino Meireles / Global Imagens

Startup portuguesa foi comprada pela VIP Booking, líder no mercado empresarial de música ao vivo

A Musicverb, startup portuguesa que desenvolveu uma plataforma para a indústria musical, foi comprada pelos dinamarqueses da VIP-Booking. Esta empresa escandinava é líder no mercado empresarial de música ao vivo. O valor da operação não foi revelado.

“Crescemos significativamente em 2016. Em 2017, queríamos acelerar este crescimento e atacar a liderança no mercado. A VIP-Booking trabalha nesta indústria há vários anos, têm grandes produtos e sabemos o que eles estão a fazer. Os clientes da Musicverb agora vão ter acesso a um serviço ainda melhor e tenho a certeza de que vão beneficiar com esta operação”, destacou Rui Couto, CEO e fundador da Musicverb, em nota enviada às redações esta quinta-feira.

A Musicverb nasceu em 2014 no UPTEC – Parque de Ciência e Tecnologia da Universidade do Porto – e permite aos agentes dos artistas encontrar os contactos, promotores, salas de concerto ou eventos mais adequados para os artistas agenciados, recorda a empresa numa publicação no seu blog.

O objetivo é transformar possíveis contactos em oportunidades de eventos musicais – como festivais, concertos, festas ou eventos privados. Através da Musicverb, toda a informação relevante do artista é gerida utilizando informação contextual e conhecimento colecionado sobre a rede de contactos da agência.

Nos últimos 12 meses, os utilizadores da Musicverb tinham ajudado a gerar 15 milhões de euros em negócios na indústria musical. Com este crescimento, a startup do Porto escalou para uma incubadora maior, a Founders Founders.

Várias viagens a Copenhaga depois, a Musicverb foi comprada pela VIP-Booking, que está presente no mercado há mais de 18 anos. Trabalha com mais de 19 000 músicos e mais de 3 500 salas de espetáculos. Live Nation, Festival de Jazz de Montreux e Sziget Festival são alguns dos principais clientes.

Comentários
Outras Notícias que lhe podem interessar
Hoje
parlamento

Lei laboral aprovada. BE, PCP e Verdes votam contra proposta do governo

Cristina Casalinho, presidente do IGCP. Fotografia: Diana Quintela/Global Imagens

Obrigações para o retalho atraíram mais de 60 mil investidores

Francisco Lacerda, presidente dos CTT

CTT vai mesmo ter critérios de qualidade mais apertados a partir de 2019

Outros conteúdos GMG
Portuguesa Musicverb vendida a empresa dinamarquesa