concurso

Que comecem os duelos: Get in The Ring chega a Portugal

Roel van der Kamp, da Pearltect, ganhou acesso à final do concurso Get in the Grid, que vai realizar-se em Singapura em maio de 2017. Fotografia: DR
Roel van der Kamp, da Pearltect, ganhou acesso à final do concurso Get in the Grid, que vai realizar-se em Singapura em maio de 2017. Fotografia: DR

Procuram-se startups com "alto potencial, um modelo de negócio inovador e escalável, menos de oito anos e fazedores fluentes em inglês

Duelos de startups pela melhor apresentação e uma entrada direta para Singapura para o vencedor final. Este é o conceito do Get in The Ring, a competição internacional que já está presente em 100 países e que vai chegar finalmente a Portugal. As primeiras batalhas estão agendadas para 27 de março, no Centro de Congressos do Estoril. A DNA Cascais vai tratar da organização para Portugal, segundo nota enviada às redações.

As inscrições já estão abertas a partir desta página. Procuram-se startups com “alto potencial, um modelo de negócio inovador e escalável, menos de oito anos e fazedores fluentes em inglês. Serão depois várias startups para os duelos; todas terão direito a um treino da apresentação.

O Dinheiro Vivo já assistiu a uma demonstração deste conceito, no âmbito do encontro de PME, realizado em novembro em Bratislava (Eslováquia). Tudo começa com uma apresentação inicial e, depois, há cinco rondas de apresentações entre cada projeto, com temas como a equipa, resultados já conquistados, modelo de negócio e mercado, projeções financeiras e promoção livre da startups.

Tal como no boxe, é ao som do sino que as mudanças são feitas. O júri tem direito a fazer perguntas sobre os projetos. No final de cada duelo, o vencedor é escolhido através dos votos do público, que usa luzes ou vermelhas, e do júri. Há um prémio em dinheiro em jogo.

A grande final do Get in The Ring será organizada em maio, em Singapura.

A fundação Get in The Ring foi criada em 2012 para reduzir a taxa de falhanço dos empreendedores com inovações capazes de poder mudar o mundo.

Comentários
Outras Notícias que lhe podem interessar
Hoje

Página inicial

fotografia: Luís Costa Carvalho

Corticeira Amorim investe oito milhões e inaugura nova fábrica nos EUA

António Mexia lidera a EDP desde 2005

António Mexia, CEO da EDP, ganhou 6.000 euros por dia em 2018

Outros conteúdos GMG
Conteúdo TUI
Que comecem os duelos: Get in The Ring chega a Portugal