novos negócios

Benefício lança mochilas feitas de cintos de segurança

Mochilas Benefício 
(DR)
Mochilas Benefício (DR)

É a segunda edição limitada da empresa.

Depois do azeite, as mochilas. A segunda edição do Benefício apresenta 100 unidades de mochilas feitas através de cintos de segurança, numa parceira de co-criação com a Beltimore. Com acabamentos em cabedal tradicional, os produtos são feitos à mão e personalizados, custando cada um 300 euros e levando cerca de duas semanas a chegar ao destino, após a encomenda.

Desta forma, a empresa, sediada em Óbidos e incubada na Startup Lisboa, pretende dar uma vida nova a materiais – neste caso, os cintos de segurança – que, de outra forma, iriam ser desperdiçados e seguiriam para incineração. “O Benefício é um agregador e um curador. Somos anti-escala, queremos provar que é possível criar produtos com valor, através da disrupção do modelo de baixo custo, sem esmagar quem cria e produz. Foi desta forma natural que nasceu a primeira série totalmente desenhada em regime colaborativo e de co-criação”, afirmam em comunicado os fundadores Ricardo Nunes e Paulo Fernandes.

A primeira série da marca tinha sido de azeite. As 100 garrafas foram postas à venda a 31 de outubro de 2016 e, ao final de três meses, já tinham vendido 60% do stock. A equipa – dois fundadores, 10 colaboradores e ainda os parceiros pontuais de trabalho – está já a trabalhar na terceira edição, que ainda “ninguém sabe o que é, mas vai ser incrível”, como indica o lema do Benefício. As pré-reservas, no valor de 25 euros, já podem ser feitas através da plataforma. O lançamento acontecerá ainda durante o verão.

O objetivo da empresa para 2017 é a colocação de 25 edições, cada uma com cem unidades. Uma centena é o limite máximo que os dois fundadores se permitem fazer de cada item.

Comentários
Outras Notícias que lhe podem interessar
Hoje

Página inicial

BCP

BCP propõe distribuir 30 milhões em dividendos

Miguel Maya, CEO do Millennium Bcp.
(Leonardo Negrão / Global Imagens)

Lucro do BCP sobe mais de 60% para 300 milhões em 2018

Outros conteúdos GMG
Conteúdo TUI
Benefício lança mochilas feitas de cintos de segurança