Aceleração

Startups portuguesas vencem a segunda edição do TestBED

Tiago Araújo e Pedro Gonaçalves são dois dos três fundadores da HiJiffy. Fotografia: Orlando Almeida / Global Imagens
Tiago Araújo e Pedro Gonaçalves são dois dos três fundadores da HiJiffy. Fotografia: Orlando Almeida / Global Imagens

As duas empresas vão poder fazer um teste piloto na cadeia hoteleira Marriot, pela Europa, durante dez semanas. 

Depois de competirem contra 150 empresas de todo o mundo, a HiJiffy e a OptiShower – duas startups portuguesas – foram anunciadas como vencedoras do programa Marriot TestBED 2017, um programa de aceleração de um dos maiores grupos hoteleiros mundiais.

“É uma oportunidade incrível para nós em termos de aprendizagem e exposição, já que o Marriott é a maior cadeia hoteleira do mundo. Durante estas 10 semanas contamos aprender como funciona grande parte do processo interno do Marriott. Com base nessa aprendizagem pretendemos ajudar a automatizar parte dos processos relacionados com customer care antes, durante e depois dos hóspedes voltarem para casa”, adiantou Tiago Araújo, um dos fundadores da HiJiffy, ao Dinheiro Vivo.

A vitória deve-se à inovação tecnológica desenvolvida por cada uma das empresas.

A HiJiffy desenvolveu um chatbot, baseado em inteligência artificial, que permite aos utilizadores, através do Facebook Messenger, ver se têm um quarto disponível, efetuar reservas, marcar serviços ou mesmo receberem sugestões em tempo real para visitar a cidade.

Através do uso desta tecnologia a cadeia de hotéis Marriott pode oferecer uma enorme variedade de serviços aos seus clientes, a qualquer hora e em qualquer lugar.

Já a Optishower desenvolveu medidores inteligentes de consumo de água e eletricidade, uma oportunidade para a cadeia de hotéis reduzir o desperdício nos quartos, oferecer aos hóspedes a capacidade de registarem o próprio consumo e ainda serem recompensados pela estadia sustentável.

“Estamos muito entusiasmados com esta oportunidade única. Após a implementação bem-sucedida da nossa tecnologia em Portugal, a participação na Test Bed abrirá novas oportunidades de mercado e vai-nos ajudar a melhorar e afinar o nosso produto”, referiu Javad Hatami, um dos responsáveis da Optishower.

Comentários
Outras Notícias que lhe podem interessar
Hoje
Inspeção Geral das Finanças tem inquérito a decorrer.

IGF detetou ilegalidades de 1900 milhões de euros em 2016

Patrick Drahi lidera grupo Altice. Fotografia: Filipe Amorim/Global Imagens

Acionistas da dona do Meo apresentam queixa por “informação falsa ou enganosa”

Fotografia: JOSÉ COELHO/LUSA

OE2018: Aprovado aumento extraordinário de 6 ou 10 euros nas pensões

Outros conteúdos GMG
Conteúdo Patrocinado
Conteúdo TUI
Startups portuguesas vencem a segunda edição do TestBED