Inovação Alimentar

Tété aposta na diferença e lança iogurte de leite de cabra

Cristina Amaro e João Amaro, da Tété. D.R.
Cristina Amaro e João Amaro, da Tété. D.R.

A Tété, empresa do sector dos produtos lácteos, acaba de lançar um novo produto, na gama dos iogurtes. O iogurte de cabra.

A procura por novos produtos alimentares, cada vez mais diferenciados, enriquecidos, é a nova tendência do mercado, e a tal não ficam alheios os produtos lácteos. Para dar resposta à novas exigências dos consumidores a Tété, empresa do sector da produção e comercialização de produtos lácteos, lançou agora no mercado o iogurte de leite de cabra.

“O iogurte de cabra é um produto que a Tété já tinha na ‘gaveta’ há alguns anos, mas cujo seu lançamento tinha vindo a adiar. Como em todos os produtos que lançamos, quisemos ir mais longe e conceber algo com mais valor acrescentado do que o mercado tem para oferecer e que esteja mais alinhado com as atuais tendências de consumo”, afirma João Amaro, Diretor Geral da Tété.

Este novo produto “resulta de um longo e intenso trabalho de I&D em cooperação com duas entidades do sistema científico nacional e cujo produto final muito nos orgulha. Os maiores desafios na conceção da receita ideal prenderam-se com a textura e sabor”, refere.

Salientando que “esta é mais uma aposta no investimento e aproximação às entidades do sistema científico nacional, universidades, na transferência de conhecimento, estando já a empresa envolvida noutros projetos de I&D,”.

João Amaral lembra que a Tété trabalha com os três tipos de leite, “mas temos notado um aumento da procura de produtos com leite de cabra, por ser o que tem um nível nutricional mais próximo do leite materno e por ser de mais fácil digestão, e mesmo com lactose é mais tolerado que os restantes”.

E desta necessidade de mercado surge o iogurte de leite de cabra, de aroma natural, com poucas calorias, sem lactose, baixo em gordura e sem adição de açúcar, mas nutricionalmente rico, nomeadamente em proteína, cálcio e vitamina B6.

Iogurte de leite de cabra. D.R.

Iogurte de leite de cabra. D.R.

Esta novidade “vem reforçar a estratégia da Tété no que diz respeito à criação de novos produtos com grande valor acrescentado e com maior propensão à exportação”, diz João Amaral, adiantando que a empresa prevê para breve o lançamento de iogurtes com fruta.

Na globalidade este projeto implicará um investimento na ordem dos 250 mil euros. Os iogurtes da Tété podem ser encontrados no pequeno retalho, canal HORECA, e a empresa está agora em fase de negociação com a grande distribuição.

A Tété

No mercado desde 1960, a Tété, fundada pela avó dos atuais sócios, como uma pequena empresa que trabalhava apenas com leite de vaca da região saloia, “foi crescendo e está agora na terceira geração da família”, afirma João Amaro. Em 1985 iniciou uma produção mais industrializada, com a diversificação de queijos frescos e deu início à produção de requeijão e, posteriormente, à de queijos curados.

Atualmente, a Tété é administrada pela terceira geração da família Amaro (com uma idade média de 36 anos) e emprega de forma direta e indireta mais de 100 pessoas. A empresa pretende evoluir tecnicamente de forma a garantir a qualidade e a segurança dos seus produtos e, assim, continuar a ser uma referência no sector agroalimentar.

Em 2016 a empresa registou resultados acima dos três milhões de euros, e para este ano a perspetiva é ultrapassar os quatro milhões de euros.

Comentários
Outras Notícias que lhe podem interessar
Hoje
Mário Centeno, preside ao Eurogrupo. Fotografia: EPA/STEPHANIE LECOCQ

Centeno pede à Grécia para acelerar no ajustamento

Patrick Drahi lidera grupo Altice. Fotografia: Filipe Amorim/Global Imagens

Concorrência pode levar compra da TVI para investigação aprofundada

Fotografia: Joost de Raeymaeker/LUSA

OIT. Pobreza e precariedade no emprego vão aumentar

Outros conteúdos GMG
Conteúdo TUI
Tété aposta na diferença e lança iogurte de leite de cabra