E-Commerce

Undandy – Milhões de combinações de sapatos de homem à distância de um clique

Gonçalo Henriques e o Rafic Daud, fundadores da Undandy. Fotografia: D.R.
Gonçalo Henriques e o Rafic Daud, fundadores da Undandy. Fotografia: D.R.

Plataforma de venda de sapatos masculinos pensada para quem quer peças únicas e personalizadas, fabricadas artesanalmente em Portugal

Já imaginou um determinado tipo de sapato que não consegue encontrar em loja nenhuma? Agora já tem onde “fazer” sapatos, totalmente personalizados, até com o seu nome. Só tem que aceder à loja online Undandy, a única marca de calçado personalizado para homem, que oferece 156 mil milhões de combinações possíveis.

Com apenas cinco passos, cada par de sapatos pode ser personalizado até ao mais ínfimo pormenor no website da marca (a biqueira, modelo, cor, material, atacadores, costuras) e em duas semanas tem um par de sapatos único à sua porta.

Um dos modelos da Undandy. Fotografia: D.R.

Um dos modelos da Undandy. Fotografia: D.R.

Rafic Daud, que criou a empresa com Gonçalo Henriques, contou que a “ideia surgiu para colmatar uma falha no calçado para homem. Não tínhamos onde comprar os sapatos que desejávamos. Lançámos a plataforma em setembro de 2015, depois de vários estudos e de encontrar o parceiro certo para esta empreitada, uma fábrica em São João da Madeira”.

O fabrico é totalmente artesanal, “daí a importância da parceria, teria que ser alguém capaz de dar resposta, ou seja produzir um par de sapatos com determinadas características e não umas centenas de um modelo”, sublinhou Rafic Daud.

Fabrico artesanal dos sapatos da Undandy. Fotografia: D.R.

Fabrico artesanal dos sapatos da Undandy. Fotografia: D.R.

Este empreendedor garante que “os sapatos que vendemos nem são caros, entre os 140 e os 220 euros, e conseguimos estes preços para produtos personalizados porque eliminamos todos os custos intermédios”.

A empresa avançou com um investimento de 700 mil euros, “capital que ainda não recuperamos, mas fechamos 2015 a vender 250 pares por mês, e as taxas de recompra este ano rondam os 85%, o que significa a validação do modelo de negócio”, salientou Rafic Daud.

Além disso, acredita “que a tendência é para crescer. Os clientes querem cada vez mais coisas feitas para si próprio, que contem as suas histórias, e os sapatos masculinos também são isso mesmo”.

Os sapatos vendidos pela Undandy são fabricados em São João da Madeira para o mundo, e já vende para mais de 50 países.

Modelo da Undandy. Fotrografia: D.R.

Modelo da Undandy. Fotrografia: D.R.

“O nosso principal mercado é o Reino Unido, logo seguido pelos EUA. Portugal ainda tem um volume de vendas muito residual. Os hábitos de consumo online ou por catálogo têm anos noutros países, mas no nosso país ainda agora estão a começar”.

Comentários
Outras Notícias que lhe podem interessar
Hoje
Lisboa. MÁRIO CRUZ/LUSA

Défice externo até julho agrava-se para 1633 milhões de euros

Lisboa. MÁRIO CRUZ/LUSA

Défice externo até julho agrava-se para 1633 milhões de euros

EDP. (REUTERS/Eloy Alonso)

Concorrência condena EDP Produção a multa de 48 milhões

Outros conteúdos GMG
Undandy – Milhões de combinações de sapatos de homem à distância de um clique