Web Summit só aceitará participantes vacinados ou com teste PCR negativo

Organização da cimeira tecnológica admite que utilização de máscara poderá ser apenas recomendada em vez de obrigatória para aceder às conferências.

Com autorização para voltar ao formato presencial, a Web Summit deste ano apenas aceitará participantes vacinados ou com teste PCR negativo. Segundo a organização, esta será a forma mais recomendada para aceder à cimeira tecnológica, que irá decorrer no Altice Arena entre 1 e 4 de novembro.

"A melhor forma e mais responsável de dar garantias [de segurança] aos participantes é através da obrigatoriedade de apresentaçaõ de certificados de vacinação, ou, em alternativa, testes PCR negativos, com a validade de 72 horas", refere o líder da Web Summit, Paddy Cosgrave, citado em comunicado de imprensa divulgado esta terça-feira.

A Web Summit, no entanto, admite que poderá apenas recomendar - em vez de obrigar - àutilização das máscaras para aceder à cimeira. "Como é improvável que as máscaras sejam legalmente necessárias para aceder a espaços interiores em Portugal em novembro, a Web Summit será solidária com qualquer participante que queira usar máscara", acrescenta.

Paddy Cosgrave lembra ainda que os produtores da Web Summit estão a trabalhar em conjunto com a Direção-Geral da Saúde para garantir o cumprimento das regras sanitárias que forem aplicáveis no início de setembro. Ou seja, os participantes serão informados para eventuais alterações antes do evento.

A lista de oradores para a Web Summit de 2021 contará, por exemplo, com as presenças confirmadas do presidente da Microsoft, Brad Smith; da vice-presidente da Comissão Europeia Margrethe Vestager; do futebolista Gerard Pique; a atriz, escritora e produtora norte-americana Amy Poehler - mais conhecida pela série Parks and Recreations e pelas parcerias com Tina Fey.

Da lista de participantes destaque para os fundadores de empresas tecnológicas como a Plaid, Intercom, Blockchain, Bolt, Cameo. Da lista de investidores presentes a Web Summit destaca Reshma Sohoni da Seedcamp, Geoff Lewis da Bedrock, Benedict Evans da Mosaic Ventures e Wesley Chan da Felicis Ventures.

Para a edição de 2021 está prevista a presença de mais de mil oradores, 1250 startups, 1500 jornalistas e 700 investidores que irão discutir tecnologia, a sociedade, entre outros temas, nos vários palcos da Web Summit em Lisboa.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG

Patrocinado

Apoio de