Fotogaleria

A destruição que o Irma tem deixado entre as Caraíbas e os EUA

Percorra a galeria de imagens acima clicando sobre as setas.

O furacão Irma, de intensidade sem paralelo, estacionou nos últimos dias entre as Caraíbas e a costa americana, progredindo lentamente até aos EUA

O olho do furacão “Irma” atingiu este domingo a região de Florida Keys, com rajadas de até 215 quilómetros/hora, tendo sido rotulado de “extremamente perigoso e potencialmente letal”. A Florida apelou a um total de 6,3 milhões de pessoas que evacuassem das regiões onde habitam e o caso não é para menos. Antes de atingir a costa norte-americana, o Irma deixou 25 mortos nas Caraíbas, região que agora se prepara para lidar com o “José”, de categoria 4.

Percorra a galeria de imagens acima clicando sobre as setas.
Comentários
Outras Notícias que lhe podem interessar
Hoje
Primeira greve da história da Autoeuropa realizou-se a 30  de agosto. Fotografia: JFS / Global Imagens

Autoeuropa com seis listas para a comissão de trabalhadores

Fotografia: MIGUEL A. LOPES/ LUSA

OE2017: Défice desce para 1,9% do PIB no primeiro semestre

O Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa, discursa durante a cerimónia de inauguração da nova área de produção da Bosch Security Systems, na zona Industrial de Ovar. Fotografia: PAULO NOVAIS/LUSA

Marcelo espera défice de 1,5% para este ano e crescimento de 3,2%

Outros conteúdos GMG
Conteúdo Patrocinado
A destruição que o Irma tem deixado entre as Caraíbas e os EUA