O velocímetro do seu carro mente. E é por esta razão

Todos os velocímetros dos automóveis indicam mais velocidade, porque há uma norma europeia que os obriga a 'mentir'.

Motor 24

Certamente já reparou que a velocidade no GPS do smartphone não bate certa com a do velocímetro no painel de instrumentos do seu carro. Um deles está a mentir!

O chamado "erro de velocímetro", que faz com que a velocidade real seja diferente daquela que é indicada pelo ponteiro (ou pelos dígitos no caso de ser um painel digital) na instrumentação do automóvel, está previsto numa normativa europeia, que obriga a que todos os velocímetros sejam projetados para mostrarem uma velocidade ligeiramente superior à real, havendo mesmo uma lei comunitária que estabelece o formato e tipo para este tipo de medição. De acordo com a Directiva 75/443/CEE do Conselho, de 26 de junho de 1975, é obrigatória a existência de uma diferenciação entre os valores lidos e reais, sendo proibido que os velocímetros apresentem uma informação de velocidade inferior à real. Ou seja, o que se vê no velocímetro pecará sempre por excesso, garantindo, com isso, que o condutor não excede o limite de velocidade para cada local.

Esta normativa europeia estabelece até a forma precisa do ensaio do velocímetro (a três velocidades - 40 km/h, 80 km/h e 120 km/h ou 80% da velocidade máxima especificada pelo fabricante, se esta última for inferior a 150 km/h) e uma fórmula de cálculo específica para obter o chamado erro de velocímetro.

Para saber mais clique aqui: www.motor24.pt

Mais Notícias

Veja Também

Outros Conteúdos GMG