Notários

Conservatória da Fontes Pereira de Melo muda-se para o Saldanha

Registos-e-do-Notariado

Os serviços dos registos e notariado instalados na avenida Fontes Pereira de Melo vão mudar-se para a Loja do Cidadão do Mercado 31 de Janeiro.

Os serviços dos registos e notariado atualmente instalados no edifício da avenida Fontes Pereira de Melo vão mudar-se para a Loja do Cidadão do Mercado 31 de Janeiro, na zona do Saldanha em Lisboa.

Em comunicado, o Ministério da Justiça confirma a mudança, justificando que depois de um levantamento “a nível nacional sobre a situação global dos seus edifícios e numa lógica de racionalização da prestação de serviço público, foram ponderadas diferentes hipóteses relativamente à realocação das várias instalações dos Registos e Notariado, nas quais se incluía o edifício localizado na Avenida Fontes Pereira de Melo, em Lisboa”.

Assim, os serviços da Fontes Pereira de Melo mudam-se para a Loja do Cidadão do Mercado 31 de Janeiro, no Saldanha, zona também central da cidade e servida por transportes públicos. “Esta mudança permitirá também, num espaço totalmente renovado, com centralidade, ampla luz natural, e de forma totalmente autónoma da zona de mercado, proporcionar melhores condições de trabalho aos funcionários”, lê-se na nota.

O Ministério da Justiça adianta ainda que não estão previstas quaisquer alterações quanto aos restantes serviços, exceto a “mudança do backoffice do registo comercial para o Campus da Justiça.

E lembra que “desde o lançamento das Lojas do Cidadão que o IRN é parte integrante da oferta de serviços públicos das mesmas, tendo como objetivo a prestação de um atendimento complementar para dar resposta a várias necessidades do cidadão”.

 

Comentários
Outras Notícias que lhe podem interessar
Hoje
Mário Vaz, CEO da Vodafone Portugal  Fotografia: Orlando Almeida / Global Imagens

Mário Vaz. “Havendo frequências, em julho teríamos cidades 5G”

O Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa (C), durante a cerimónia militar do Instituto Pupilos do Exército (IPE), inserido nas comemorações do 108.º aniversário da instituição, em Lisboa, 23 de maio de 2019.  ANTÓNIO PEDRO SANTOS/LUSA

Marcelo: “Quem não for votar, depois não venha dizer que se arrepende”

Certificados

Famílias investiram uma média de 3,3 milhões por dia em certificados este ano

Outros conteúdos GMG
Conservatória da Fontes Pereira de Melo muda-se para o Saldanha