Dia sem mortes e com 445 casos de covid-19 em Portugal. Internamentos baixam

Depois de dois dias a subir, há agora menos 15 internamentos, com o número total a ficar nos 268 doentes hospitalizados com covid-19, dos quais 50 em unidades de cuidados intensivos (uma redução de dois).

Portugal registou, nas últimas 24 horas, mais 435 casos de covid-19 e nenhuma morte, indica o boletim epidemiológico da Direção-Geral da Saúde (DGS) desta terça-feira (registo referente ao segunda). Desde início da pandemia já houve 17 025 óbitos associados à doença e foram confirmados 849 538 casos positivos.

O índice de transmissibilidade (Rt) do coronavírus SARS-Cov-2 mantém-se em 1,07 (e é mantém-se nos 1,06 se se contabilizar apenas o Continente), enquanto a incidência de casos de infeção por 100.000 habitantes nos últimos 14 dias no continente está nos 60,4 casos por 100 mil habitantes (na quarta-feira estava em 54,4). A nível nacional mantém-se nos 63,3 casos por 100 mil habitantes.

Depois de dois dias a aumentar, o número de doentes internados baixou agora para os 268 (menos 15), sendo que, destes, 50 estão nos cuidados intensivos (menos dois doentes graves do que ontem).

O número de casos ativos desceu 233, para os 22 700 casos e há mais 363 contactos em vigilância por parte das autoridades de saúde, totalizando 24 489.

Portugal é primeiro país a disponibilizar selo europeu de segurança para Turismo

Portugal é o primeiro país a disponibilizar o selo europeu de segurança Covid-19, destinado a empresas e atividades do Turismo que garantam o cumprimento das medidas sanitárias e de segurança, indicou esta terça-feira o Governo.

"Portugal é o primeiro país a disponibilizar o selo europeu de segurança Covid-19 a partir de hoje, 1 de junho. Os aderentes passam, automaticamente, a poder utilizar a identidade visual do "European Tourism Covid-19 Safety Seal", avançou, em comunicado, o Ministério da Economia e Transição Digital.

Este selo, criado pelo Comité Europeu de Normalização em parceria com a Comissão Europeia, é de caráter opcional e destinado a empresas e atividades do Turismo, que garantam o cumprimento das normas sanitárias e de segurança definidas pelas autoridades de saúde.

Os detentores do selo "Clean & Safe" podem ter acesso direto ao logótipo europeu, através da plataforma digital portugalcleanandsafe.com.

Centro Europeu de Controlo de Doenças recomenda cautela com adolescentes

O Centro Europeu de Controlo de Doenças (CEDC) alertou esta terça-feira que a vacinação de adolescentes contra a Covid-19 terá benefícios limitados quando comparada com a de outros grupos etários e recomendou cautela nas decisões dos Estados.

Antes de pensar em alargar a vacinação a adolescentes, os países devem "considerar cuidadosamente a situação epidemiológica e do processo de vacinação em grupos etários mais velhos", defende o CEDC num relatório publicado esta terça-feira, salientando que é expectável uma "relação risco-benefício individual" reduzida em adolescentes.

"O benefício para a população em geral da vacinação de adolescentes será proporcional à transmissão do [coronavírus] SARS-CoV-2 dentro e a partir deste grupo etário", indica o CEDC.

O organismo europeu salienta que falta saber muita coisa sobre a relação dos grupos etários mais jovens com a Covid-19 e com o SARS-CoV-2, começando pela "eficácia da vacina contra a transmissão em adolescentes e jovens adultos", sobre a qual "não existem dados".

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG

Patrocinado

Apoio de