Galp é a petrolífera mais sustentável da Europa, diz o ranking da Dow Jones

O índice DJSI foi criado em 1999 como o primeiro indicador da performance financeira das empresas líderes em sustentabilidade a nível global

Pelo oitavo ano consecutivo, a portuguesa Galp garantiu a sua presença nos índices Dow Jones Sustainability Indices (DJSI), atingindo em 2019 a sua melhor pontuação, sendo considerada a mais sustentável da Europa no setor petrolífero e a terceira melhor a nível mundial, informou a empresa em comunicado. Além disso, liderou na dimensão Ambiente.

"A empresa classificou-se em primeiro lugar no DJSI Europe entre as suas pares do setor Oil & Gas

Upstream & Integrated. No DJSI World, a empresa foi a terceira melhor entre as 52 companhias

avaliadas pela RobecoSAM, consultora que ajuda a alinhar os índices", refere o comunicado da empresa, com o CEO, Carlos Gomes da Silva, a afirmar que “este reconhecimento reflete o compromisso da empresa em criar valor partilhado para todos os seus stakeholders, implementando as melhores práticas nas dimensões ambiental, social e de governo corporativo” .

O índice DJSI foi criado em 1999 como o primeiro indicador da performance financeira das empresas líderes em sustentabilidade a nível global. Os membros deste Índice são classificados como as empresas mais capazes de criar valor para os acionistas a longo prazo, através de uma gestão eficaz dos riscos associados a fatores económicos, ambientais e sociais.

Na edição deste ano a Galp atingiu os melhores resultados do setor a nível global na dimensão Ambiente, destacando-se nos critérios dos Riscos Relacionados com a Água e Estratégia Climática.

A empresa atingiu igualmente classificações de topo na dimensão Económica, liderando na Gestão de Risco e de Crise. Na dimensão Social, a Galp lidera o setor no Desenvolvimento do Capital Humano e também na Cidadania Corporativa e Filantropia, informa o mesmo comunicado.

Recomendadas

Outros Conteúdos GMG

Patrocinado

Apoio de