Tatara Razors: as máquinas de barbear 100% portuguesas que podem ser usadas infinitas vezes

Nasceu no Porto e já é do mundo. Criada pela startup incubada no Parque de Ciência e Tecnologia da U. Porto, a máquina apresenta-se como uma alternativa sustentável às multi-lâminas descartáveis e tem garantia vitalícia. O modelo mais acessível custa 149€.

"Uma máquina de barbear com um sistema de ajuste único, que pode ser utilizada infinitas vezes", é assim que começam por descrever, em comunicado, a mais recente inovação da startup criada por três alumni do curso de Engenheira Mecânica na Faculdade de Engenharia da Universidade do Porto - João Gomes, Luis Oliveira e André Guimarães.

Apresentada como "uma alternativa sustentável às multi-lâminas descartáveis", e a contar com uma "garantia vitalícia", a Tatara Razors tem um design minimalista, dispõe de uma engenharia moderna e conjuga ainda "diferentes variáveis para garantir uma maior precisão de corte, conforto e suavidade no barbear".

As máquinas de barbear da Tatara Razors podem ser compradas pelo valor mínimo de 149€, mas os jovens empreendedores garantem que o "custo é rapidamente amortizado". "Comparando o custo das lâminas usado na nossa máquina, que é 0,05€ por unidade, com as máquinas descartáveis mais vendidos da Amazon (2,55 $/ 2,09€ com assinatura), o retorno do investimento acontece após um ano de utilização", afirma em nota de imprensa João Gomes, cofundador da startup.

Embaladas numa caixa de cortiça natural, são criadas com "materiais nobres como o inox, acabadas à mão para extinguir todas as marcas de maquinação e suavizar todas as bordas" e, para terminar, são "sujeitas a um tratamento manual de jato de areia, peça por peça, para obter uma coloração mate e um aspeto suave".

A qualidade e durabilidade das Tatara Razors conferem ao produto uma sustentabilidade incomparável com as máquinas e lâminas descartáveis. "Só nos EUA, foram produzidos 2 mil milhões de máquinas descartáveis e recargas descartáveis no ano passado. A maioria parte destas recargas acaba em aterros e até nos oceanos e lá continuam por séculos", relembra ainda o cofundador.

O futuro parece promissor e já está além-fronteiras. Com duas máquinas e dois pincéis de barbear lançado até ao momento, o desenvolvimento e produção é 100% português e já chegou a países como Estados Unidos da América, Itália, Reino Unido, Singapura, Taiwan ou África do Sul, maioritariamente através do mercado online.

Já com os planos traçados para depois, a marca pretende desenvolver e avançar com o lançamento de um aftershave 100% natural de pedra Alum e uma taça de barbear, assim como uma máquina de barbear com um sistema patenteado e mais tarde um sabonete de barbear. "Nos próximos anos, iremos lançar também uma body razor para todo o corpo e para público masculino e feminino", reforça João Gomes.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG

Patrocinado

Apoio de