Revolução 4.0

Jorge Portugal: Reconfigurar toda a cadeia de valor na construção

Jorge Portugal, diretor-geral da COTEC Portugal. Foto: Artur Machado / Global Imagens)
Jorge Portugal, diretor-geral da COTEC Portugal. Foto: Artur Machado / Global Imagens)

O BIM (Business Information Modelling) vai revolucionar toda a fileira do setor da construção.

Jorge Portugal, diretor-geral da COTEC Portugal, desenha a traço grosso o retrato nacional do BIM.

O BIM afetará todos os intervenientes da fileira da construção?
Num primeiro momento, o impacto da revolução BIM afetará gabinetes de arquitetura e projeto de engenharia, construtoras e fornecedores de equipamento e matérias-primas. Numa segunda fase, o BIM chegará à manutenção de estruturas. A prazo, toda a cadeia de valor será reconfigurada.

É possível prever quando toda a fileira estará 100% em ambiente BIM?
Num país com uma estratégia nacional para o BIM como o Reino Unido, a adoção pela fileira poderá levar cerca de uma década.

No que toca a ganhos de produtividade, podem quantificar-se os benefícios para o setor?
Haverá ganhos em encurtar prazos de execução pela eliminação de discrepâncias “nominais” e conflitos entre projeto e a execução, antecipar a produção de componentes, minimização de desperdício na cadeia de aprovisionamento e otimização em tempo real do projeto original.

Comentários
Outras Notícias que lhe podem interessar
Outros conteúdos GMG
Hoje
O primeiro-ministro, António Costa, Pedro Siza Vieira, ministro de Estado, da Economia e da Transição Digital, e Ana Mendes Godinho, ministra do Trabalho, Solidariedade e Segurança Social.  MANUEL DE ALMEIDA/LUSA

Salários, crédito, moratórias e rendas. O que vai ajudar famílias e empresas

EPA/Enric Fontcuberta

Mais de 100 mil recibos verdes candidataram-se ao apoio à redução da atividade

A ministra da Saúde, Marta Temido.. JOSÉ SENA GOULÃO/LUSA

295 mortos e 11 278 casos confirmados de covid-19 em Portugal

Jorge Portugal: Reconfigurar toda a cadeia de valor na construção