viagens

Casal de reformados celebra milésima noite em apartamentos da Airbnb

static1-squarespace

Debbie e Michael Campbell reformaram-se em 2013 e desde então que viajam pelo mundo e dormem, sempre que possível, em apartamentos da Airbnb.

Debbie e Michael Campbell, de 62 e 72 anos, respetivamente, decidiram reformar-se em 2013 e usar o dinheiro que pouparam para viajar pelo mundo e dormir, sempre que possível, em apartamentos da Airbnb.

Há quatro anos, o casal, oriundo de Seattle, nos Estados Unidos, arrumou a casa, saiu e guardou o que achou necessário num armazém que não voltou a visitar. Desde então que o objetivo foi “viver a reforma” pelo mundo fora, mas sempre com a aplicação de alojamento local por perto.


Veja também 25 homens ricos casados com mulheres ainda mais ricas


Este mês marca o quarto ano consecutivo da aventura e, ontem, 22 de julho, marcou a milésima noite passada num apartamento listado no site da Airbnb. Para celebrar a data, os Campbells escolheram uma casa minimalista situada no centro de Estrasburgo, em França.

A ideia surgiu durante uma visita de Mary, uma das quatro filhas, e o respetivo marido, com quem vive em França, à casa dos pais. À mesa, o tema da reforma acabou por ser discutido e, quando Mary foi buscar um refrigerante ao frigorífico, encontrou uma lista de países que os pais gostavam de visitar. “Por que é que não os vão conhecer a todos e usam a Airbnb?”, sugeriu na altura.

Assim foi. Ao todo, já passaram quase 1.500 dias de viagem, cujas estadias variaram (além dos Airbnbs) entre carruagens de comboio, casas de amigos ou quartos de hotel. “Sempre dissemos que enquanto nos estivermos a divertir, a aprender, dentro do orçamento e apaixonados um pelo outro, vamos continuar a fazer isto”, afirma o casal, citado pela revista Fortune.

Comentários
Outras Notícias que lhe podem interessar
Outros conteúdos GMG
Hoje
Banco de Portugal

Bancos concederam moratórias a 741 623 empréstimos entre março e junho

Pingo Doce

PD. Sindicato quer impugnar no Tribunal “golpada” no referendo do banco de horas

Hiper Pingo Doce__00266

Sindicato leva banco de horas do Pingo Doce a tribunal

Casal de reformados celebra milésima noite em apartamentos da Airbnb