Cidades

Estamos em perigo? As 50 cidades mais violentas do mundo

Percorra a galeria de imagens acima clicando sobre as setas.

A América Latina detém a desonrosa distinção de ter a maioria das cidades na classificação anual das cidades mais violentas do mundo para 2016

Das 50 cidades da lista, 43 são na América Latina, incluindo 19 no Brasil, oito no México e sete na Venezuela.

A violência nesta região é em grande parte relacionada a drogas, impulsionada por traficantes e complementada por guerras de gangues, instabilidade política e pobreza generalizada, que foi aumentada pelo lento crescimento económico ou pelas reversões económicas.

O ranking contém cidades com populações de mais de 300 mil habitantes e não conta as mortes em zonas de combate ou com dados indisponíveis, pelo que algumas cidades perigosas não aparecem na lista

Em alguns casos, o Conselho de Cidadãos do México, que elaborou o relatório, determinou as taxas de homicídios através de estimativas baseadas em dados incompletos.

Na Venezuela, por exemplo, o governo não divulgou por completo os dados sobre homicídios (embora o tenha feito este ano) e para encontrar a taxa para Caracas, o Conselho fez uma estimativa com base nas entradas no necrotério de Bello Monte – embora, como o Conselho admite, que a morgue recebe corpos de uma zona muito maior do que Caracas em si.

Veja quais são as cidades mais perigosas do mundo.

Percorra a galeria de imagens acima clicando sobre as setas.
Comentários
Outras Notícias que lhe podem interessar
Hoje
Donald_Trump_(28760020353)

100 dias de Trump. Afinal, o que mudou?

António Costa. Fotografia: ESTELA SILVA/LUSA

OCDE alerta para IDE que pouco ou nada produz

Rogério Carapuça, presidente da APDC

Fotografia: Reinaldo Rodrigues/GI

Rogério Carapuça: “A competitividade das empresas não depende da Web Summit”

Outros conteúdos GMG
Conteúdo Patrocinado
Estamos em perigo? As 50 cidades mais violentas do mundo