Coronavírus

Hospital construído em 10 dias recebe infetados com coronavírus

A carregar player...

O hospital construído em tempo recorde em Wuhan, a cidade que é foco do coronavírus, recebeu esta terça-feira os primeiros pacientes.

Cinquenta pessoas infetadas foram já internadas no hospital de 34.000 metros quadrados, equipado com tecnologia 5G, que permitirá telecomunicações ultrarrápidas e realizar diagnósticos de vídeo à distância por especialistas que poderão orientar os funcionários in loco, segundo anunciou a agência noticiosa Xinhua.

Um vídeo exibido pelo canal estatal CCTV mostra o momento em que os pacientes são retirados das ambulâncias e entram no hospital, em cadeiras de rodas empurradas por funcionários vestidos com fatos de proteção.

Desde 24 de janeiro, a China transmitiu quase em direto a construção do hospital improvisado, filmada permanentemente pelas câmaras de televisão que exibiam o trabalho de milhares de operários.

O hospital, que foi batizado com o nome de Huoshenshan, é gerido pelo exército e é um dos dois centros médicos pré-fabricados construídos para enfrentar a epidemia do coronavírus, que já fez 425 mortos e 20.400 infetados, quase todos na província de Hubei (centro), que tem a cidade de Wuhan como capital.

Leia também: Wuhan é hoje uma cidade fantasma, mas é também um centro tecnológico

A construção do hospital exigiu um exército de operários, mobilizados dia e noite, que nivelaram o terreno, instalaram as fundações de cimento, estabeleceram as ligações de água e energia elétrica e criaram 400 camas, equipadas com casas de banho e equipamentos médicos.

“Huoshenshan”, o nome do hospital, significa “montanha do Deus do Fogo”, uma personagem da mitologia taoista que pode expulsar os vírus e infeções graças ao calor.

O hospital tem uma equipa médica militar de 1.400 pessoas, todas com experiência na luta contra os vírus SARS e ebola.

A China está a construir um segundo hospital em Wuhan, um local rebatizado como Leishenshan (“montanha do Deus do Raio”) com 1.600 camas.

Comentários
Outras Notícias que lhe podem interessar
Outros conteúdos GMG
Hoje
(Photo by Tobias SCHWARZ / AFP)

Tribunal suspende construção da Gigafactory da Tesla na Alemanha

A 89ª edição da Micam decorre em Milão de 16 a 19 de fereveiro. Fotografia: Direitos Reservados

Calçado quer duplicar exportações para o Japão em dois anos

Micam

Governo promete “soluções criativas” para ajudar as empresas

Hospital construído em 10 dias recebe infetados com coronavírus