Secretário de Estado do Turismo

Adolfo Mesquita Nunes. “Sem o Turismo, a economia perdia 28 milhões por dia”

O boletim estatístico do Banco de Portugal revela que até ao fim de setembro as receitas do turismo passaram os oito mil milhões de euros, o que mostra que "estamos a ter mais receita por turista que no ano passado", disse o secretário de Estado do Turismo ao Dinheiro Vivo.

Adolfo Mesquita Nunes sublinha que não há “um fenómeno de desqualificação do tipo de turismo que temos” e que estes números mostram que o sector está a aumentar “o contributo dos turistas para as nossas exportações, crescimento e emprego. Sem o turismo, a nossa economia perderia 28 milhões de euros por dia, circunstância que importa realçar uma vez que muitas vezes se ignora o contributo efectivo, real, concreto, do turismo para a nossa economia”.

Até setembro, o país já recebeu 7,464,2 milhões de turistas estrangeiros (mais 11,7% do que em 2013), o que correspondeu a 26,182,0 milhões de dormidas (mais 9,4% do que em 2013).

O saldo da balança turística teve um crescimento de 15% no acumulado dos primeiros nove meses do ano, mas, só em setembro, esse crescimento foi de 23,7%. Um número que ganha mais peso, porque a despesa dos portugueses no estrangeiro também subiu este ano.

Comentários
Outras Notícias que lhe podem interessar
Outros conteúdos GMG
Hoje
Céu cinzento de Londres. Fotografia: D.R.

Portugal fora do corredor turístico britânico. Madeira e Açores entram

O ministro de Estado e das Finanças, João Leão, acompanhado pelo ministro das Infraestruturas e da Habitação, Pedro Nuno Santos (Foto: Mário Cruz/Lusa)

Recuperar poder de decisão na TAP obriga Estado a pagar mais

O presidente do conselho de administração da TAP, Miguel Frasquilho. (Reinaldo Rodrigues/Global Imagens)

Frasquilho: Reestruturação da TAP “não vai ser isento de dor”

Adolfo Mesquita Nunes. “Sem o Turismo, a economia perdia 28 milhões por dia”