economia mundial

G20 aprova 800 medidas para aumentar PIB em 2,1% até 2018

Os líderes dos países do G20, que se reuniram este fim-de-semana em Brisbane, na Austrália, aprovaram um pacote de 800 medidas que, estimam, deverá aumentar os seus produtos internos brutos em 2,1% até 2018.

A concretizar-se, esta evolução das maiores economias do mundo adicionariam 2 biliões de dólares (qualquer coisa como 1,59 biliões de euros) à economia mundial e criariam milhões de postos de trabalho.

“Este ano, o G20 definiu metas reais e práticas. Graças aos esforços que o G20 fez este ano ano, que culminaram nas últimas 48 horas, as pessoas de todo o mundo vão ficar melhor, graças à conquista de um crescimento inclusivo e de empregos”, disse o primeiro-ministro australiano, Tony Abbott.

“As nossas medidas para impulsionar o investimento, aumentar o comércio e a concorrência e incentivar o emprego, em simultâneo com as nossas políticas macroeconómicas, vão apoiar o desenvolvimento e o crescimento, ajudado a reduzir a desigualdade a pobreza”, afirmou o bloco do G20, numa declaração publicada no final da cimeira.

Os líderes dos países que representam 85% da economia mundial discutiram ainda medidas para combater as alterações climáticas, apelando aos países que revelem novas metas de redução das emissões de carbono durante os primeiros meses do próximo ano.

Para este propósito, os Estados Unidos comprometeram-se a destinar 3 mil milhões de dólares (2,3 mil milhões de euros) ao “Fundo Verde”, enquanto o Japão prometeu 1,5 mil milhões de dólares (1,1 mil milhões de euros).

Comentários
Outras Notícias que lhe podem interessar
Outros conteúdos GMG
Hoje
Paschal Donohoe

Sucessor de Centeno: Irlandês Donohoe surpreende e bate espanhola Calviño

O Ministro das Finanças, João Leão. EPA/MANUEL DE ALMEIDA

Défice de 2020 vai ser revisto para 7%. Agrava previsão em 0,7 pontos

Comissário Europeu Valdis Dombrovskis. Foto: STEPHANIE LECOCQ / POOL / AFP)

Bruxelas acredita que apoio a empresas saudáveis estará disponível já este ano

G20 aprova 800 medidas para aumentar PIB em 2,1% até 2018