workshop

Quer saber como reprogramar o cérebro? Ele ensina

É um dos neurocientistas mais conhecidos do mundo, e vem a Portugal a 28, 29 e 30 de novembro. O norte-americano Joe Dispenza vem mostrar como é possível quebrar hábitos que prejudicam as pessoas mas que estão enraizados no seu comportamento e, mais grave, na sua personalidade.

Joe Dispenza garante que é possível mudar comportamentos através da reprogramação do cérebro. O seminário de três dias que dará no Sana Lisboa Hotel vai ensinar os participantes a fazê-lo, através do conceito de “neuroplasticidade.”

Os bilhetes para os três dias custam 450 euros (490 no dia do evento). Para a palestra de dia 28, são 50 euros. Podem ser adquiridos em sites como Ticketline e Fnac.

O seminário prático sobre mudança comportamental com base no funcionamento do cérebro, baseado no segundo best-seller do investigador “Como Criar Um Novo Eu”, tem por objetivo “ajudar cada participante a tornar-se no que ambiciona ser a nível pessoal e profissional, alterando o sistema limitado de crenças de cada um, que impedem a concretização dos desejos.”

Com o seminário “Quebre o Hábito de Ser Como é”, Joe Dispenza alarga os horizontes pessoais e coletivos de cada individuo. O programa permite eliminar sentimentos como a angústia, tristeza, depressão, stress e outras formas negativas de viver, sentir e ser.

Joe Dispenza tem percorrido o mundo com o seu programa de mudança comportamental, baseado nos mais recentes estudos da neurociência e da física quântica, que revolucionaram algumas práticas no campo da “neuroplasticidade.”

Doutorado em bioquímica, com pós-graduação em neurociência, química e biologia celular, Joe Dispenza tem explicado como se pode beneficiar das recentes descobertas e desfrutar de uma vida mais completa e feliz.

Joe Dispenza é autor de três livros de sucesso nos Estados Unidos, com um deles editado em português pela Lua de Papel em 2014.

Comentários
Outras Notícias que lhe podem interessar
Hoje

Página inicial

Página inicial

REUTERS/Stephen Lam/File Photo

Moedas como Libra do Facebook podem diminuir poder dos bancos centrais

Outros conteúdos GMG
Quer saber como reprogramar o cérebro? Ele ensina