gerirumastartup

Sintra lança incubadora de empresas

A Câmara Municipal de Sintra em parceria com a SSTBC - Associação para a Promoção do Empreendedorismo e Empregabilidade, o Instituto de Emprego e Formação Profissional (IEFP) e o Instituto de Apoio às Pequenas e Médias Empresas e à Inovação (IAPMEI), lançaram nesta terça-feira uma incubadora de empesas no concelho

O protocolo entre as três partes foi assinado na autarquia e a incubadora “dirige-se aos nossos munícipes, fundamentalmente aos jovens”, frisou o presidente da Câmara de Sintra, Basílio Horta (PS), acrescentando a importância de “dar uma esperança” aos jovens com “boas ideias de empreendedorismo”.

A Start Up Sintra Technological Businesse Center assume-se como um projeto que pretende apoiar empresas com um espírito empreendedor e com um modelo de negócios inovador na área da tecnologia, fornecendo um ecossistema de incubação de empreendedores e empresas.

A StartUp Sintra é uma associação privada, sem fins lucrativos, fundada pelo Grupo Metal (Worldmetal e Apametal)e pela Associação Empresarial de Sintra, com o apoio da Câmara Municipal de Sintra.

A assinatura do protocolo contou com a presença do Secretário de Estado da Inovação, Investimento e Competitividade, Pedro Gonçalves.

Segundo o protocolo, o município financia com 40.000 euros anuais o funcionamento da estrutura, que pretende apoiar até 30 novas empresas por ano, em domínios como as “smart cities” (cidades inteligentes) e o turismo, e pode receber até mil formandos por ano na área das novas tecnologias através do IEFP.

O espaço que irá acolher a Start Up Sintra foi alvo de um investimento de cerca de um milhão de euros. Os materiais utilizados na sua construção são de madeiras 100% reciclada. Em 2014 o projeto levado acabo por André Lourenço venceu o prémio John Jacob Astor, que premia empresas empreendimentos imobiliários comerciais contemporâneos.

Basílio Horta convidou os empresários do município a conhecerem a nova estrutura e a usá-la, para a formação e para novos projetos.

“É um viveiro onde podemos ir buscar o que interessa ao concelho e ao país”, vincou o autarca socialista, valorizando o papel do IEFP na formação em áreas que permitam novas oportunidades de emprego.

O presidente da SSTBC, Adriano Lourenço, explicou que a assinatura do protocolo marca o “início de um ambicioso projeto (…), permitindo a criação de mecanismos de apoio ao empreendedorismo e de condições para o desenvolvimento do setor empresarial do concelho de Sintra”.

O projeto conta com a parceria do Instituto de Emprego e Formação Profissional, Instituto de Apoio às Pequenas e Médias Empresas e à Inovação (IAPMEI) e Microsoft.

Comentários
Outras Notícias que lhe podem interessar
Hoje
EPA/MICHAEL REYNOLDS

Ação climática. Portugal vai ter de gastar mais de um bilião de euros

Quartel da Graça, em Lisboa. (Fotografia: D.R.)

Revive: Sete hoteleiros na corrida para transformar o Quartel da Graça

Thomas Cook era a agência turística mais antiga do mundo. ( EPA/ARMANDO BABANI)

Thomas Cook declarou falência. 600 mil turistas procuram solução

Outros conteúdos GMG
Sintra lança incubadora de empresas