candidatura a emprego

Tem uma entrevista de emprego? Veja que o que a linguagem corporal revela sobre si

Os primeiros 15 segundos são cruciais para causar uma boa impressão numa entrevista de emprego. Por isso, deve ter atenção a todos os detalhes, sobretudo à linguagem corporal.

Lembre-se que o recrutador vai estar a observar os seus movimentos. A forma como entra na sala, cumprimenta e se senta; a forma como fala e gesticula; para onde dirige o olhar, enquanto argumenta; as atitudes, os gestos e os movimentos; o tom de voz e a forma de se expressar, são alguns dos comportamentos, que revelam a sua personalidade, nível cultural e educação.

Veja também o artigo: “Tem uma entrevista? 13 conselhos para se vestir como deve”

1. Cumprimente sempre com um aperto de mão firme

Entre na sala de forma decidida, mostrando confiança. O aperto de mão deve ser firme, mas sem exercer demasiada força para não magoar. Sorria e estabeleça contacto visual com o entrevistador. Este é um dos gestos mais importantes, porque marca o tom da conversa. Se levar uma pasta ou mala, de preferência use-a na mão esquerda, de forma a dar um aperto de mão sem se atrapalhar.

Palavras como “muito prazer” depois da apresentação; “com licença” ao sentar-se; e “obrigado/obrigada” ao sair, ficam sempre bem. E não se esqueça de desligar ou de tirar o som ao telemóvel, antes da entrevista.

2. Respeite o espaço pessoal de distância e tenha atenção à sua postura

Mostre-se atento e simpático. Tente não se aproximar demasiado do recrutador, mantendo cerca de um braço de distância. Sente-se apenas quando o entrevistador lhe pedir para o fazer. Adopte uma postura direita, mas não demasiado rígida, de modo a não deixar transparecer tensão e nervosismo.

Descontraia os ombros e mantenha os braços descruzados, sem colocar os cotovelos em cima da mesa, mostrando que está atento e receptivo à conversa. Enquanto o entrevistador fala incline ligeiramente o corpo para a frente, pois demonstra interesse no assunto. Além disso, não cruze as pernas e mantenha-as juntas.

3. Alinhe o corpo e não coloque barreiras

Ter o corpo alinhado com o interlocutor revela interesse. Se levar uma pasta ou mala não a coloque à sua frente, pois funciona como uma barreira e revela insegurança e ansiedade.

4. Sorria e olhe para a pessoa com quem está a falar

Mantenha sempre um ar alegre, bem-disposto e sorria, pois vai ajudar a criar empatia com a outra pessoa. Evite falar e olhar para baixo ou para o lado, pois revela timidez, fraqueza e distanciamento. Se olhar para o interlocutor mostra que está focado e interessado em ouvir o que ele diz. Acenar com a cabeça é também uma boa forma de demonstrar ao entrevistador que compreende, concorda e que está a dar atenção à conversa.

5. Antes da entrevista, treine ao espelho

É importante ter noção da sua linguagem corporal e compreender que imagem quer passar. Por isso, se treinar ao espelho tem uma maior noção dos aspectos a melhorar na sua postura.

6. Use as mãos quando fala, mas com moderação

Gesticular reforça a sua credibilidade e ajuda no processo de raciocínio, mas mantenha alguma contenção nos movimentos. Deve passar uma imagem de calma, determinação e de quem controla as suas emoções, sobretudo em cargos de liderança. Evite brincar com o anel, o relógio ou a caneta; rodar na cadeira ou roer as unhas; pois revela ansiedade.

7. Tenha atenção à linguagem e evite falar demais

Fale de forma clara, objectiva e sucinta, sem se perder em muitos pormenores, pois pode tornar-se cansativo e dispersar. Evite também interromper o entrevistador, espere que este termine para depois responder. A linguagem também é muito importante, por isso atenção aos erros de concordância verbal, gírias e piadas.

A conversa deve transmitir entusiasmo, motivação, ambição (moderada), segurança e credibilidade. Não dê muita informação sobre a sua vida pessoal, aborde este assunto de forma discreta. Omita desgraças e frustrações, que até podem emocionar o entrevistador, mas não serão motivo de contratação.

9. Evite falar mal da antiga empresa

Não critique o anterior chefe, os clientes e os colegas de trabalho. Esta abordagem vai passar uma má impressão e pode ser um obstáculo à sua contratação. Deve manter o respeito mútuo, sigilo e discrição. Guarde as mágoas, ressentimentos e injustiças para si. Concentre a conversa no seu desempenho profissional, rotina de trabalho, deveres e obrigações.

10. Prepare-se para as perguntas mais frequentes

Esteja preparado para responder a questões profissionais, vida pessoal e personalidade. Como tal, prepare as suas afirmações em casa. Durante a entrevista, muitos entrevistadores fazem perguntas como: “qual a remuneração que acha adequada?”; “Porque deverei contratá-lo?”; “Porque pensa ser uma mais-valia para a empresa?”; “Onde se vê daqui a cinco anos?”; “Porque escolheu esta área?”; “Quais são as suas qualidades e os seus defeitos?” e “O que considera mais importante no trabalho?”. Mostre-se calmo e confiante a dar as respostas.

Rita Carvalho

Consultora de Comunicação e Imagem

In Styleland – Image and Communication Consulting

Facebook: https://www.facebook.com/InStyleland

Comentários
Outras Notícias que lhe podem interessar
Hoje
Ministro das Finanças, Mário Centeno, na apresentação do Orçamento do Estado para 2019. 16 de outubro de 2018. REUTERS/Rafael Marchante

Bruxelas envia carta a Centeno a pedir o triplo do esforço orçamental

lisboa-pixabay-335208_960_720-754456de1d29a84aecbd094317d7633af4e579d5

Estrangeiros compraram mais de mil imóveis por mais de meio milhão de euros

João Galamba (secretário de estado da energia) , João Pedro Matos Fernandes (Ministro para transição energética) e António Mexia  (EDP) durante a cerimonia de assinatura de financiamento por parte do Banco Europeu de Investimento (BEI) da Windfloat Atlantic. Um projecto de aproveitamento do movimento eólico no mar ao largo de Viana do Castelo.
(Reinaldo Rodrigues/Global Imagens)

Mexia diz que EDP volta a pagar a CESE se governo “cumprir a sua palavra”

Outros conteúdos GMG
Tem uma entrevista de emprego? Veja que o que a linguagem corporal revela sobre si