Trabalhadores da Autoeuropa terão aumento salarial de 2%

Os trabalhadores da Autoeuropa já aprovaram o acordo laboral que estará em vigor até 30 de setembro de 2015. Num universo de 3728 funcionários, 2758 votaram e 74,7% aceitaram os termos da negociação.

De acordo com o documento, os trabalhadores da Volkswagen Autoeuropa contarão a partir de agora com um aumento salarial de 2%, com um mínimo de 20 euros. O salário de outubro, entretanto pago, também contará com este ajuste.

Além do crescimento no vencimento, o acordo laboral aprovado prevê também a passagem para o quadro da empresa de 400 funcionários até aqui com contratos a prazo.

Mais: em vez dos 22 dias de férias regulamentados, os funcionários da fabricante automóvel contarão ainda com três dias de descanso adicionais, passando a gozar de um total de 25 dias de descanso. Mas não é só porque “as ferramentas de flexibilidade laboral atualmente em vigor na Volkswagen Autoeuropa, designadamente os dias de não produção e o programa de mobilidade internacional, continuarão a ser utilizadas de modo a adaptar o volume de produção à procura do mercado”.

No acordo assinado na passada sexta-feira, a Autoeuropa compromete-se ainda a não fazer qualquer despedimento coletivo até ao final do ano que vem.

Em comunicado, a empresa lembra que o acordo agora estabelecido é uma forma de garantir a “estabilidade do emprego dos seus colaboradores”, assegurando também “a competitividade” da empresa.

Comentários
Outras Notícias que lhe podem interessar
Outros conteúdos GMG
Hoje
Fotografia: Gerardo Santos/Global Imagens

Economia portuguesa afunda 16,3% entre abril e junho

Visitantes na Festa do Avante.

Avante!: PCP reduz lotação a um terço, só vão entrar até 33 mil pessoas por dia

covid 19 portugal casos coronavirus DGS

Mais 235 infetados e duas mortes por covid-19 em Portugal. Números baixam

Trabalhadores da Autoeuropa terão aumento salarial de 2%