Usa fato e gravata no trabalho? Siga estas 10 regras

Em ambientes profissionais mais formais, muitos homens têm de usar fato e gravata. O ideal é investir em peças de bom corte, com tecidos de qualidade e em modelos mais clássicos e intemporais para ter um aspeto sempre impecável. Além disso, convém relembrar que um bom fato pode contribuir para uma imagem de sucesso. Rita Carvalho, consultora de Comunicação e Imagem na In Styleland - Image and Communication Consulting, explica como estar sempre bem no trabalho.

1. O tipo de fato para o seu corpo

Na hora de escolher um fato, deve selecionar o tipo de corte mais adequado ao seu tipo de corpo. O corte Slim Fit é o mais ajustado ao corpo e indicado para homens mais atléticos e esguios, enquanto que o Regular Fit, o modelo clássico de corte a direito, é o que melhor se adapta aos homens com uma estrutura mais larga, já que esconde a barriguinha.

Pode ainda recorrer ao serviço de alfaiataria, em que os fatos são confecionados à medida do seu corpo, sendo por isso mais aconselhados para quem pretende um corte impecável ou tem um corpo com características que não se adaptam às medidas padrão do pronto-a-vestir.

Não se esqueça de tirar a costura dos bolsos do casaco, removendo os pontos, e de retirar a pequena etiqueta bordada na manga esquerda, antes de usar um fato.

A designação “três peças” é relativa a um fato completo com colete. Os coletes são mais usados com fatos que têm botões apenas de um lado (para que seja visível). No colete mantenha sempre o botão inferior desabotoado.

2. O tamanho mais adequado

O número do casaco do fato está relacionado com a largura do peito do homem (um número 40 corresponde a 40 cm de largura de peito). Como tal, pegue numa fita métrica, coloque-a à volta do seu tórax, na parte mais larga do peito, de forma a encontrar o tamanho certo do seu casaco.

Não se esqueça também que para um fato assentar na perfeição necessita sempre de ser ajustado ao corpo, pelo que deve recorrer a um alfaiate para fazer pequenos ajustes, sobretudo na zona dos ombros e na altura ou no gancho das calças. Esta pode ser a diferença “entre um homem que usa um fato, em vez de o fato o usar a ele”.

3. A escolha do material e a cor do fato

Deve ter em conta a época do ano, mas prefira sempre tecidos nobres, como a lã ou o algodão, em vez de fibras. Um fato de fina lã virgem pode ser usado durante todo o ano. O linho, apesar de ser indicado para o verão, amarrota muito. Pode optar por tons mais claros na época do ano mais quente, mas evite o branco e as cores demasiado vivas. Aposte em cores básicas e clássicas, como os tons de azul e cinzento. Para eventos formais as cores escuras são as mais indicadas. Contudo, evite o preto para o trabalho, a não ser que vá a um velório.

As riscas finas verticais também são uma boa opção para um fato clássico. Porém, nas uniões, dos ombros, bolsos ou golas verifique se as riscas estão unidas.

4. Os casacos para cada tipo de corpo

Existem casacos com uma ou com duas aberturas nas costas (ou nenhuma). A abertura está situada na parte inferior das costas, ao meio se for uma só, ou nas partes laterais no caso de duas aberturas.

Casaco sem abertura: este tipo de blazer mais estreito é ideal para pessoas mais magras. O casaco mantém-se ajustado ao corpo, criando uma silhueta mais definida. A desvantagem é que enruga com maior facilidade quando se senta.

Casaco com uma abertura: evita que o casaco enrugue. Além disso, facilita o uso dos bolsos.

Abertura dupla: facilita o movimento. Ideal para quem usa muito os bolsos.

Prefira casacos com golas mais clássicas. No caso das lapelas, o tamanho ideal é de 5 centímetros no ponto mais largo. Quanto à altura do casaco, este deve ficar à altura da mão levemente fechada, na zona da anca. Só os homens de maior estatura devem usar casacos mais compridos.

Evite também encher os bolsos com a carteira, o telemóvel e as chaves para não deformar o casaco.

5. Devo escolher um, dois ou três botões?

Saiba que o tamanho do peito é importante para fazer esta escolha, mas por norma prefira os casacos de dois botões.

Casacos de três botões: este tipo de casaco diminui o tamanho do peito. IÉ ieal para um homem mais baixo pois alonga o corpo. Não deve ser usado por quem tem um pouco de barriga, pelo facto de destacar a zona do abdómen, quando o casaco está abotoado.

Casaco de um ou dois botões: para um homem alto este tipo de casaco é o mais indicado, pois encurta a linha das pernas. Para quem tem mais peso esta solução também é a melhor, já que o decote do casaco é maior, retirando a atenção da zona da barriga. Este modelo é mais moderno e elegante.

Os casacos com botões dourados tendem a passar de moda. Por regra, abotoe sempre o botão do meio ou os dois primeiros e nunca o último. O botão superior de um casaco de dois botões (ou o botão do meio de um de três botões) deve ficar na faixa do umbigo ou acima deste. E não se esqueça que deve desabotoar sempre o seu casaco antes de se sentar.

6. A medida certa dos ombros

A largura dos ombros do casaco deve ter em conta a sua medida, que varia de pessoa para pessoa. Não escolha um casaco com ombros muito largos, pois a sua cabeça vai parecer mais pequena em relação ao corpo.

7. As mangas e o tipo de camisa mais adequada

O colarinho e as mangas da camisa devem estar pelo menos um centímetro fora do casaco. Se as mangas forem demasiado longas (devem terminar nos seus pulsos) recorra a um alfaiate.

A altura certa da manga do casaco é na zona do osso do pulso, um centímetro acima da manga da camisa, e não deve esconder a camisa. Para uma imagem mais harmoniosa, tente igualar o comprimento da manga do casaco, em relação à manga camisa, com a quantidade de colarinho que está visível na parte de trás do pescoço.

Muitas camisas brancas são feitas em tecidos transparentes, o que deve evitar. Não use camisolas interiores em V ou de alças, pois se a camisa for transparente esta vai notar-se também. Camisas de cores neutras e com padrões de pequena dimensão são as mais indicadas.

8. Use a gravata com estilo

Evite gravatas com motivos florais ou bonecos, assim como modelos demasiado estreitos ou largos, especialmente com um fato e em situações formais. Opte por uma gravata com cerca 6 cm na parte mais larga. Em relação à altura ideal, a ponta da gravata deve tocar no início da fivela do cinto.

Opte pelo clássico nó de Windsor, mas tenha em conta o tamanho da sua cabeça para determinar se deve usar o Semi-Windsor ou o nó cheio.

A gravata deve sempre ser mais escura do que sua camisa. A covinha na gravata também é um pormenor que faz toda a diferença para ficar com mais estilo.

9. As calças do fato

Prefira os cortes clássicos e evite as calças com pregas e dobras. Porém, pode optar por calças apenas com uma prega. As calças sem pregas são mais justas na parte da frente e não devem ter bainhas com dobra, enquanto que as calças com pregas requerem este tipo de bainhas. As calças com pregas permitem um maior conforto quando se senta. Para quem tem um pouco de barriga, esta escolha pode ser a mais indicada, contudo também confere um maior volume na zona das ancas.

Quanto ao comprimento das calças de um fato, prefira-as compridas de maneira a que não se vejam as meias, quando está de pé. O correto é deixar a barra no meio do sapato.

10. Use sapatos clássicos e escolha as meias certas

A escolha dos sapatos é essencial e revela muito de um homem. Use sapatos pretos ou castanhos, com ou sem atacadores e de sola de couro, com fatos ou calças mais clássicas. E não se esqueça de os manter sempre limpos e engraxados.

As meias devem ser altas, de modo a que ao sentar-se as calças não subam mostrando a perna. A cor também é muito importante. O ideal é combinar as meias com a cor do fato. Por isso, se usar um fato azul-escuro com sapatos pretos, use as meias na cor do fato. Se usar um fato mais claro, as meias devem ser um pouco mais escuras do que o fato, mas num tom mais claro do que os sapatos.

11. Os acessórios com mais estilo

Um bom investimento para um homem é um relógio, de preferência de estilo clássico e intemporal.

O lenço no bolso acrescenta um ar de sofisticação e de elegância, mas certifique-se de que não combina com o tecido da gravata. Conjugue padrões diferentes dentro do mesmo tom para ficar com mais estilo.

O cinto deve ser fino, de pele e da mesma cor que os seus sapatos. Os botões da camisa, a fivela do cinto e o fecho das calças devem de estar sempre alinhados.

Veja o vídeo do blogue Real Men Real Style, do especialista norte-americano em moda masculina Antonio Centeno, com mais dicas de estilo.

Rita Carvalho, consultora de Comunicação e Imagem na In Styleland – Image and Communication Consulting

Comentários
Outras Notícias que lhe podem interessar
Hoje
Ministro das Finanças, Mário Centeno, na apresentação do Orçamento do Estado para 2019. 16 de outubro de 2018. REUTERS/Rafael Marchante

Bruxelas envia carta a Centeno a pedir o triplo do esforço orçamental

lisboa-pixabay-335208_960_720-754456de1d29a84aecbd094317d7633af4e579d5

Estrangeiros compraram mais de mil imóveis por mais de meio milhão de euros

João Galamba (secretário de estado da energia) , João Pedro Matos Fernandes (Ministro para transição energética) e António Mexia  (EDP) durante a cerimonia de assinatura de financiamento por parte do Banco Europeu de Investimento (BEI) da Windfloat Atlantic. Um projecto de aproveitamento do movimento eólico no mar ao largo de Viana do Castelo.
(Reinaldo Rodrigues/Global Imagens)

Mexia diz que EDP volta a pagar a CESE se governo “cumprir a sua palavra”

Outros conteúdos GMG
Usa fato e gravata no trabalho? Siga estas 10 regras