viagens

Vai de viagem? Então veja o que deve levar na sua mala

Foto: Igor Martins / Global Imagens)
Foto: Igor Martins / Global Imagens)

Muitas profissões obrigam a deslocações constantes e nem sempre é fácil preparar e decidir o que levar na mala de viagem.

Existe sempre a tentação de colocar demasiadas peças, mas também a necessidade de rentabilizar o espaço de arrumação. Siga os conselhos de Rita Carvalho, consultora de imagem na InStyleland para planear com sucesso a sua viagem.

1. Pesquise sobre o destino

Esta é a primeira regra para quem viaja. Informe-se sobre o seu destino: se necessita de passaporte ou de cartão de cidadão; de visto, de vacinas ou de medicação; qual o clima previsto (as peças devem estar adequadas às temperaturas); e quais as restrições e hábitos culturais locais, de modo a estar preparado e evitar situações indesejáveis.

Para a sua aprovação e emissão, o visto deve ser solicitado com a devida antecedência. Saiba que alguns países não permitem a entrada se o passaporte indicar que visitou certos destinos ou se o seu prazo de validade expirar no prazo de seis meses. Informe-se na sua agência de viagens ou empresa.

2. Leve fotocópias da sua documentação

Faça três cópias do seu bilhete de avião (e-ticket), do passaporte ou cartão de cidadão, da carta de condução e dos cartões de crédito que levar consigo. Deixe uma cópia em casa, uma segunda cópia no seu escritório e leve a terceira na sua bagagem de mão. Anote também os contactos telefónicos das empresas dos cartões de crédito e o da embaixada ou consulado (nacionalidade do passaporte) do país a visitar. Se perder os documentos, este cuidado vai facilitar a sua substituição.

Se levar um computador portátil deve fazer antes uma cópia de segurança dos ficheiros, limitar a quantidade de informação confidencial armazenada no seu disco rígido e utilizar palavras passe-seguras. Deve registar a marca e o modelo do portátil, bem como o número de série, rotular todos os equipamentos com informações de contacto, e embalar os acessórios necessários (pilhas, carregador, adaptador, etc.). Mantenha uma cópia dessas informações na carteira, para a polícia ou segurança, caso o portátil seja roubado ou se extravie. Leve-o sempre consigo na bagagem de mão.

3. Faça uma lista do que é necessário levar

Uma boa forma de não se esquecer de nada é fazer uma lista das peças. Assim, é mais fácil confirmar o que tem de arrumar na mala.

Se for uma viagem curta, de dois dias até uma semana, leve roupas suficientes para a duração da viagem mais duas mudas extra. Escolha roupa, calçados e acessórios, assim como uma paleta de cores fácil de conjugar. Reduza os estampados e opte por peças lisas e clássicas. Por exemplo, com três camisas e três calças pode fazer nove combinações de roupa. Algumas peças podem ser usadas tanto para o dia como para a noite com diferentes acessórios. Analise o seu programa de viagem e veja que tipo de roupa será necessária para as suas atividades e compromissos.

Escolha roupas que sejam fáceis de arrumar na mala e que não ocupem muito volume ou amarrotem com facilidade. Se chover, uma gabardine é uma peça obrigatória para levar de viagem. Se estiver frio, o melhor é vestir por camadas e levar acessórios como um lenço, cachecol, chapéu e luvas.

Em relação ao calçado, verifique se vai andar bastante ou se vai permanecer em salas de reunião, de forma a escolher algo confortável e adequado à ocasião. Não se esqueça de confirmar se o programa inclui eventos sociais, nos quais será necessário usar uma roupa e acessórios mais sofisticados.

4. Verifique qual é o limite de bagagens

Se viajar de avião, muitas companhias aéreas têm limitado o tamanho das bagagens de mão e outras bagagens, sem cobrar taxas extras. Informe-se de quais são as suas restrições, sobretudo da bagagem de mão (peso e medidas).

Na classe económica apenas é autorizado o transporte de um volume, com excepção do porta-fatos. Na classe executiva ou primeira classe pode transportar, habitualmente, até dois volumes na cabine.

Lembre-se que quaisquer objetos que possam ser usados como arma, tais como tesouras, lâminas de barbear, isqueiros e desodorizante em spray inflamável não são permitidos na mala de mão. As embalagens dos produtos líquidos e em gel não devem exceder os 100 ml, devendo transportá-las num saco transparente com fecho.

Certifique-se que leva também os medicamentos na sua mala de mão, para o caso da sua bagagem de porão se extraviar. Para evitar questões com substâncias ilegais, deve trazer os medicamentos nas suas caixas originais, acompanhadas do folheto e de uma declaração do seu médico.

Recomenda-se, ainda, levar na bagagem de mão: artigos de higiene pessoal e uma muda de roupa.

5. Escolha o tipo de mala

Na hora de escolher a mala, tenha em conta o seu tamanho, peso e facilidade de transporte. Prefira malas com rodinhas, por serem mais fáceis de transportar, mas esteja preparado para carregá-la se for necessário. As malas rígidas protegem melhor a sua bagagem, mas têm mais peso.

Coloque sempre uma etiqueta com o seu nome e informações de contacto para facilitar a sua identificação. Por motivos de segurança, não se esqueça de usar um cadeado ou de pedir para embalar a mala antes do check-in.

6. Não se esqueça dos artigos de higiene pessoal

Prefira cosméticos e artigos de higiene pessoal de pequena dimensão, que não ocupem muito espaço na mala. Muitas marcas comercializam artigos em miniatura e certas lojas vendem recipientes de viagem, que pode encher com os seus produtos habituais. Se levar frascos de vidro, como o perfume, certifique-se que estes vão devidamente acondicionados. Os produtos devem ser sempre transportados numa bolsa de plástico ou de pele, de forma a que se uma embalagem abrir ou rebentar não suje a roupa.

7. A melhor forma de arrumar a mala

– Lembre-se sempre que os artigos grandes e pesados devem ficar em baixo, e os itens que tendem a amarrotar devem ficar em cima. Além disso, as roupas enroladas não vincam tanto e podem ser facilmente empilhadas.

– Para aproveitar o espaço, coloque o calçado nos cantos da mala, com as meias e as gravatas enroladas dentro dos sapatos. Pode ainda colocar outras peças pequenas, como acessórios, dentro de pequenos sacos. Cada par de sapatos deve ser acondicionado num saco para não sujar a roupa.

– De seguida, coloque as peças mais pesadas e volumosas. Minimize o número de dobras e prefira peças de tecidos que não amarrotem com facilidade. Enrole as calças, dobrando-as ao meio e a partir da parte de baixo.

– Preencha os cantos da mala com roupas e acessórios menores, como peças íntimas, cintos, luvas, cachecóis, lenços e gravatas. Enrole algumas camisas mais informais, para evitar vincos, e coloque-as nos espaços que sobrarem.

– Deixa para último as roupas que amarrotam, como as camisas.

– Caso necessite de levar um casaco, vire-o do avesso, dobre-o em quatro e coloque por último, por cima de tudo. Se levar um fato o ideal é transportá-lo num porta-fatos como bagagem de mão.

Não se esqueça que no aeroporto podem pedir para abrir a mala, pelo que convém ter os artigos devidamente arrumados e acondicionados.

8. Como dobrar as peças na mala

Vestidos – Se vai levar vestidos longos, coloque-os no fundo da mala, com as partes de cima e de baixo a sair pelas extremidades da mala. Depois que colocar as camisas e as outras peças, puxe as pontas dos vestidos por cima das outras roupas.

Roupa interior – Dobre as meias e as roupas íntimas ao meio. Use-as para preencher os espaços da mala ou coloque-as na bolsa lateral com fecho da mala.

Calças – Comece por colocar primeiro as calças na mala, de forma plana. Dobre a parte de baixo até à parte de cima.

Saias – Dobre a saia ao meio, de um lado para o outro e, de seguida, dobre a parte de baixo até à parte de cima.

Camisas – Feche todos os botões da camisa. Coloque a face da camisa para baixo, dobre os braços ao nível dos ombros e depois dobre a camisa duas vezes, do fundo até um terço e da gola até um terço.

Gravatas – Dobre cada gravata ao meio e depois coloque-a em papel de seda ou numa película plástica, enrolando-a de seguida. Se pretender, use um elástico para prender. Para mantê-la em boas condições e poupar espaço, coloque-a dentro dos sapatos.

Blusas – Como não precisam de estar tão bem passadas como as camisas, dobre-as e depois enrole-as para ocupar menos espaço. As camisas enroladas podem servir também para proteger artigos mais frágeis guardados na mala.

Casacos – Desabotoe o casaco e vire-o do avesso. Dobre os ombros para trás até que eles se toquem. Pegue as mangas e dobre-as para que fiquem em cima. Então, dobre a parte de baixo até a parte de cima e alise levemente.

Sapatos – Os sapatos são um excelente acessório para arrumar pequenas coisas na sua mala de viagem. Além de gravatas e meias, pode colocar dentro deles os cintos e os óculos.

Antes de sair de casa, não se esqueça de pesar a sua mala de forma a avaliar se vai viajar com excesso de peso na bagagem.

No dia da viagem, escolha roupa e calçado confortável e quente, peças que não amarrotem e facilitem os movimentos, leve um lenço e meias para se proteger do ar condicionado e evite bijuteria com detalhes metálicos, pois vai ter de retirá-la no controlo de bagagem.

Comentários
Outras Notícias que lhe podem interessar
Hoje
Ministro das Finanças, Mário Centeno, na apresentação do Orçamento do Estado para 2019. 16 de outubro de 2018. REUTERS/Rafael Marchante

Bruxelas envia carta a Centeno a pedir o triplo do esforço orçamental

lisboa-pixabay-335208_960_720-754456de1d29a84aecbd094317d7633af4e579d5

Estrangeiros compraram mais de mil imóveis por mais de meio milhão de euros

João Galamba (secretário de estado da energia) , João Pedro Matos Fernandes (Ministro para transição energética) e António Mexia  (EDP) durante a cerimonia de assinatura de financiamento por parte do Banco Europeu de Investimento (BEI) da Windfloat Atlantic. Um projecto de aproveitamento do movimento eólico no mar ao largo de Viana do Castelo.
(Reinaldo Rodrigues/Global Imagens)

Mexia diz que EDP volta a pagar a CESE se governo “cumprir a sua palavra”

Outros conteúdos GMG
Vai de viagem? Então veja o que deve levar na sua mala