Tecnologia

Carros Apple Maps avistados em cidades portuguesas

Foto: Lino Ferreira
Foto: Lino Ferreira

A Apple trouxe para Portugal uma frota de veículos que está a recolher informação para a sua plataforma de mapas e geolocalização.

Vários carros que pertencem à frota do Apple Maps têm sido avistados em diferentes pontos do país, como nas regiões de Lisboa, Aveiro, Faro e Gaia. Os veículos em questão são da Subaru e distinguem-se por dois motivos: na lateral estão identificados como estando ao serviço dos Apple Maps e têm, na parte superior, um equipamento para captação de imagens.

Leia também Estas aplicações gravam tudo o que faz… e não pedem autorização

Os veículos que estão em Portugal fazem parte da frota de segunda geração dos Apple Maps e que estrearam no último trimestre de 2018 nos EUA. Nas redes sociais são já vários os relatos de avistamentos dos carros nas estradas portuguesas.

O equipamento parecido com um periscópio que os carros transportam tem, segundo a relatos da imprensa internacional, tecnologia LIDAR – para medição de distância – e câmaras que conseguem captar imagens em 360º. Dentro do veículo existem equipamentos Apple e discos rígidos que fazem o processamento e o armazenamento da informação.

Esta segunda geração de veículos deverá traduzir-se em informação mais fidedigna na aplicação de mapas, como também na criação de ambientes mais realistas – através do mapeamento de espaços verdes e do aspeto dos edifícios.

No início do ano passado, a Apple anunciou que iria começar a trabalhar no redesenho da sua aplicação de mapas e em vez de usar dados de empresas externas, iria recolher e usar apenas as suas próprias informações.

Numa entrevista em 2018, Eddy Cue, o executivo da Apple responsável por este segmento, revelou a ambição de criar “a melhor aplicações de mapas do mundo” e confirmou que tudo seria construído “de raiz”.

(atualização 15 abril 2019, com o crédito da foto atribuído ao seu autor: Lino Ferreira)

Comentários
Outras Notícias que lhe podem interessar
Outros conteúdos GMG
Hoje
Fotografia: Sarah Costa/Global Imagens

Tomás Correia, Montepio e BNI Europa. O que está por detrás das buscas

A coordenadora da Frente Comum de Sindicatos da Administração Pública, Ana Avoila. MANUEL DE ALMEIDA/LUSA

Frente Comum diz que é “inaceitável” negociar salários depois do orçamento

O secretário-geral da CGTP-IN, Arménio Carlos. MÁRIO CRUZ/LUSA

CGTP apela ao PM para negociar salários no Estado antes do Orçamento

Carros Apple Maps avistados em cidades portuguesas