segurança

Conduzir desidratado é tão perigoso como sob influência de álcool

Conduzir desidratado é tão perigoso como bêbado

Com a chegada das férias a Seat lançou uma série de alertas aos condutores para que tudo corra em segurança durante a viagem.

Uma das questões muitas vezes subestimada é a hidratação do condutor. Beber água é fundamental.

“De acordo com um estudo da Universidade de Loughborough (Reino Unido) e do Instituto Europeu de Hidratação, os condutores com uma hidratação insuficiente cometem erros semelhantes aos daqueles com um nível de álcool no sangue de 0,8 g/l, como se tivessem bebido mais de 4 copos de vinho”, adverte a fabricante automóvel.

“Os erros mais frequentes são as saídas não intencionais da faixa de rodagem, a travagem demasiado tardia ou a transposição da linha da berma”, pode ler-se no comunicado enviado às redações.

A médica da Seat Cars, Mari Carmen López, alerta ainda que “a desidratação pode levar a tonturas, vómitos e, em casos mais extremos, a perda de consciência”. Especialmente no verão, quando as temperaturas são mais elevadas, é por isso essencial beber água – embora possa ser combinada com algum sumo ou refrigerante – em todas as paragens que se faça para descansar. A melhor opção, a água, embora possa ser combinada com algum sumo ou refrigerante.

Em relação à cafeína, a mesma especialista destaca que “café ou chá durante o dia pode ajudar, mas quantidades a mais podem causar nervosismo. As bebidas energéticas, ao volante, são totalmente desaconselháveis”.

Nissan cria bancos que alertam para desidratação

Esta não é a única fabricante automóvel que alerta para o perigo da desidratação dos condutores.

A Nissan, em conjunto com a Droog, uma empresa holandesa, desenvolveu um tecido que reage ao suor emitido pelo condutor, passando de azul para amarelo quando o condutor está desidratado. Este tecido vai ser usado no banco do condutor e como revestimento do volante. Embora recupere a cor original, um benefício inesperado é que o condutor vai preocupar-se mais com a limpeza.

Comentários
Outras Notícias que lhe podem interessar
Hoje
João Lousada no deserto de Omã como astronauta análogo, em 2018

João Lousada. Conheça o primeiro português a liderar a Estação Espacial

João Lousada no deserto de Omã como astronauta análogo, em 2018

João Lousada. Conheça o primeiro português a liderar a Estação Espacial

Fotografia: REUTERS/Henry Nicholls - RC122C9DD810

Cartas de Boris Johnson causam surpresa e perplexidade em Bruxelas

Outros conteúdos GMG
Conduzir desidratado é tão perigoso como sob influência de álcool