Tecnologia

Esta aplicação da Google ensina-o a programar

Percorra a galeria de imagens acima clicando sobre as setas.

Num futuro que se avizinha cada vez mais tecnológico, saber programar deixa de ser uma mais-valia para ser um requisito quase obrigatório.

Muitos especialistas acreditam que o futuro pertence às máquinas e à inteligência artificial, por isso mais vale começar já a aprender a linguagem dos computadores. A Google, através de uma incubadora interna chamada Area 120, lançou uma aplicação que permite aprender as bases da linguagem de programação Javascript, uma das mais utilizadas em todo o mundo.

A aplicação Grasshopper é gratuita e está disponível para Android e iOS. Além de querer ensinar os básicos da programação a quem nunca se aventurou por este mundo, a ferramenta tenta também fazê-lo de forma simples e rápida, em pequenas lições interativas. Este mini-curso foi desenhado para que o utilizador possa ‘saltar’ de lição em lição.

“Programar está a tornar-se numa capacidade essencial e queremos tornar isso possível para todas as pessoas mesmo quando a vida está mais ocupada”, lê-se na página de descrição do projeto.

Os responsáveis pelo projeto disseram à publicação TechCrunch que à medida que o utilizador evolui na aprendizagem, os desafios ficam mais complexos. Os interessados vão aprender conceitos como funções, variáveis e condicionantes numa fase inicial, para depois aprenderem a criar funções complexas.

Para já a Grasshopper vai focar-se inteiramente na linguagem de programação Javascript, devido à sua versatilidade, mas já estão prometidos mais conteúdos além daqueles que existem atualmente.

Esta aplicação não tenciona funcionar como um curso completo de programação, mas antes como a base de lançamento para outros métodos de aprendizagem mais avançados. Na prática, se quer aprender a programar e não sabe por onde começar, a Grasshopper é uma opção que deve considerar.

Percorra a galeria de imagens acima clicando sobre as setas.
Comentários
Outras Notícias que lhe podem interessar
Outros conteúdos GMG
Hoje
2. Os telemóveis desvalorizam até 78% do investimento num ano

Burlas com SMS custam um milhão por ano aos consumidores

Ana Jacinto, secretária-geral da Associação da Hotelaria, Restauração e Similares de Portugal (AHRESP) antes de uma entrevista, esta manhã nos estúdios TSF.
(Reinaldo Rodrigues/Global Imagens)

Ana Jacinto. Hotelaria e restauração precisam de mais de 40 mil trabalhadores

Austin, EUA

Conheça o ranking das cidades mais desejadas pelos millennials em 2020

Esta aplicação da Google ensina-o a programar