Tecnologia

Facebook sabe tudo sobre si e finalmente explicou como

Percorra a galeria de imagens acima clicando sobre as setas.

Relatório revelado pela própria rede social mostra com maior detalhe como são recolhidos dados na plataforma.

Quando o diretor executivo do Facebook foi ouvido, em abril, pelo Congresso norte-americano, não conseguiu responder com detalhe a todas as questões – na Europa aconteceu o mesmo. Mark Zuckerberg prometeu que mais tarde essas respostas seriam dadas aos políticos norte-americanos e foram finalmente endereçadas, num documento com mais de 200 páginas.

Algumas questões que Zuckerberg não respondeu da forma pretendida pelos congressistas estavam relacionadas com a informação que o Facebook recolhe dos utilizadores e com os métodos que usa para fazer esta recolha.

Agora sabe-se um pouco melhor a forma de atuar do gigante norte-americano. Várias publicações já dissecaram a informação revelada pelo Facebook, como o Business Insider e News.com.au, e resumiram as principais descobertas a este nível.

Devido ao grande volume de dados que o Facebook recolhe, algumas empresas têm apertado o cerco à rede social – uma das quais foi a Apple, que no início do mês anunciou que o sistema operativo iOS e o navegador Safari vão ter funcionalidades reforçadas na área da privacidade.

O escrutínio do qual o Facebook tem sido alvo aumentou de forma exponencial depois de ter sido revelado o escândalo de privacidade que envolveu a empresa Cambridge Analytica e que afetou mais de 80 milhões de pessoas em todo o mundo.

Na galeria em cima pode ficar a saber quais as informações que a rede social recolhe dos seus utilizadores e como isso acontece.

Percorra a galeria de imagens acima clicando sobre as setas.
Comentários
Outras Notícias que lhe podem interessar
Hoje
Vieira da Silva  (A. LOPES/LUSA)

Percentagem de trabalhadores com salário mínimo recuou no 2º trimestre

A presidente do Conselho das Finanças Públicas (CFP), Teodora Cardoso. Fotografia: TIAGO PETINGA/LUSA

Teodora Cardoso acusa Centeno de “falta de transparência” no orçamento

Dominic Raab, secretário de Estado para a saída da União Europeia, à direita. Londres, 13 de novembro de 2018. EPA/NEIL HALL

Brexit: Reino Unido e UE chegam finalmente a acordo

Outros conteúdos GMG
Facebook sabe tudo sobre si e finalmente explicou como