Enoturismo

Quinta do Pôpa propõe experiências em regime de exclusividade

Quinta do Pôpa no douro Vinhateiro. Fotografia: Miguel Pereira da Silva / Global Imagens
Quinta do Pôpa no douro Vinhateiro. Fotografia: Miguel Pereira da Silva / Global Imagens

Situada entre a Régua e o Pinhão, a Quinta do Pôpa reabriu com novos espaços exteriores e novas propostas de ramas de enoturismo

Em soft opening pós pandemia de Covid-19 durante o último mês, a Quinta do Pôpa reabre agora as portas em pleno, com programas reajustados e novos espaços, todos eles no exterior. Se esta Quinta duriense foi das primeiras a fechar, ainda antes de serem impostas as medidas pela DGS, é também das últimas a reabrir. Para os irmãos Stéphane e Vanessa Ferreira, o “respeito pela segurança dos seus colaboradores e dos visitantes esteve sempre em primeiro lugar” e, com todos os requisitos preenchidos no que toca ao selo Clean & Safe, o mês de julho permitiu ao Pôpa Team auscultar e perceber quais as reais necessidades atuais dos visitantes.

Situada na EN222, entre a Régua e o Pinhão, a Quinta do Pôpa tem uma localização privilegiada, pela proximidade ao rio, pela facilidade de acessos e pela vista do seus terraços e jardins, que ganharam mais área, num investimento planeado pré-Covid e que permitiu aumentar a sua “tela” sobre o rio Douro. “Mais espaços exteriores, que nos dias de hoje fazem ainda mais falta para que possamos retomar a vida em liberdade, com máxima segurança. Desfrutar de momentos de momentos de ar puro e lazer é fundamental”, diz a empresa, em comunicado.

Os programas de enoturismo foram reajustados e a ocupação do espaço tornou-se ainda mais restrita, pelo que se recomenda a marcação prévia. Acresce o facto de se poderem reservar Guias em exclusivo ou a Quinta na íntegra, não sendo aceites outros visitantes durante o tempo em que este serviço for requisitado. Tudo isto para que os visitantes sintam a máxima confiança em continuar a usufruir de experiências vínicas e enogastronómicas. Todos os programas, à exceção das visitas, são feitos em espaços ao ar livre. Para ir ao encontro das necessidades sentidas no mês de julho, a Quinta do Pôpa estreia agora os chamados Wine Flights, momentos de degustação de três copos de vinhos, com breve explicação inicial por parte de um elemento do Pôpa Team, com lugar no jardim superior e destinados a passantes, mediante disponibilidade de espaço. Os Pôpa Picnic e os Wine Lunch mantêm-se, agora com a opção de não incluir a visita.

Comentários
Outras Notícias que lhe podem interessar
Outros conteúdos GMG
Hoje
Trabalhos de descarga de contentores no Porto de Sines, 12 de fevereiro de 2020. TIAGO CANHOTO/LUSA

Exportações com quebra de 17% na primeira metade do ano

Isabel Camarinha, líder da CGTP, fala aos jornalistas após audiência com o Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa, no Palácio de Belém, em Lisboa, 30 de julho de 2020. (MIGUEL A. LOPES/LUSA)

CGTP. Governo nega complemento a quem esteve em lay-off sem justificação

spacex-lanca-com-sucesso-e-pela-primeira-vez-a-nave-crew-dragon-para-a-nasa

SpaceX lança 57 satélites para criar rede mundial de Internet de alta velocidade

Quinta do Pôpa propõe experiências em regime de exclusividade