streaming

Stranger Things terá 4ª temporada. Série ‘rainha’ da Netflix de volta em 2021

Em apenas quatro dias, a terceira temporada de Stranger Things foi vista por 40,7 milhões de contas.
Em apenas quatro dias, a terceira temporada de Stranger Things foi vista por 40,7 milhões de contas.

É uma série que coleciona fãs e recordes para a plataforma de streaming. Netflix confirma acordo para 4ª temporada de Stranger Things

O valor do acordo não é certo, mas a Netflix anunciou esta segunda-feira não só que vai avançar uma quarta temporada da sua série ‘rainha’, Stranger Things, bem como um contrato mais amplo para outros conteúdos (filmes e séries) com os criadores da série de culto, os irmãos Duffer.

“Os Duffer Brothers cativaram audiências pelo mundo inteiro com Stranger Things e estamos emocionados por expandir a nossa relação para trazer a sua vívida imaginação a outros projetos de filmes e séries que os nossos membros vão adorar” disse Ted Sarandos, Chief Content Officer da Netflix, em comunicado.

Sobre Stranger Things, depois de uma estreia pouco mediática em 2016 – embora incluísse o regresso de Winona Rider -, a série passada em plena década de 1980, num localidade fictícia dos EUA e onde crianças são as protagonistas apaixonou audiências e tornou-se numa das ‘bandeiras’ da Netflix, trazendo de novo para a ribalta referências a séries, filmes, jogos e outros pormenores da cultura daquela década, isto no meio de uma base sobrenatural.

Já em julho, nos primeiros quatro dias após a estreia da terceira temporada da série, foi batido um recorde na Netflix, com 40,7 milhões de contas a visionarem Stranger Things.

Sobre o que esperar da nova temporada, o trailer apresentado agora não é claro, mas dá uma informação preciosa: a produção vai oficialmente sair da cidade central da série, Hawkings. Tudo indica a nova temporada, que ainda não começou a ser escrita, só deve estrear já em 2021.

O comunicado da Netflix deixa ainda a reação dos irmãos Duffer: “Estamos muito entusiasmados por poder continuar a nossa relação com a Netflix. O Ted Sarandos, a Cindy Holland, o Brian Wright e o Matt Thunell correram um risco enorme connosco e com a nossa série – e mudaram a nossa vida para sempre. Desde o nosso primeiro pitch até à estreia de Stranger Things 3, toda a equipa da Netflix foi nada menos que sensacional, e deu-nos o tipo de apoio, orientação e liberdade criativa com que sempre sonhámos. Mal podemos esperar para contar mais histórias juntos – começando, claro, com uma viagem de regresso a Hawkins!”

Stranger Things acumulou mais de 50 nomeações, incluindo Emmys, Golden Globes, Grammys, SAG, DGA, WGA, BAFTA, Art Directors Guild e People’s Choice Awards, entre outros.

Comentários
Outras Notícias que lhe podem interessar
Hoje
Lisboa, Portugal 2

Endividamento das famílias atinge máximo de três anos

Alexandre Nilo Fonseca, presidente da ACEPI. 
(Sara Matos/ Global Imagens)

Em direto. A transformação digital em debate da ACEPI

(Carlos Santos/Global Imagens)

TDT. Anacom arranca com call center em novembro para teste piloto

Outros conteúdos GMG
Stranger Things terá 4ª temporada. Série ‘rainha’ da Netflix de volta em 2021