Estou em lay-off. Tenho direito a todo o subsídio de férias?

A Abreu Advogados esclarece questões essenciais para empresas e trabalhadores.

Numa altura em que o novo coronavírus pôs largos milhares de trabalhadores em lay-off, nem sempre são claras as regras e todos os direitos dos trabalhadores. Micaela Afonso, sócia contratada da Abreu Advogados, responde a dúvidas sobre a aplicação das medidas excecionais e do que implicam.

Leia também: A minha fábrica pôs todos os trabalhadores de férias 15 dias. É legal?

Estou em lay-off há dois meses. Tenho direito a receber subsídio de férias? E recebendo, será por inteiro ou apenas o proporcional ao valor que estou a receber agora de salário, com o corte correspondente à redução de horário?

Dúvidas sobre trabalho? Pergunte ao Advogado na rubrica do Dinheiro Vivo

Sim, um trabalhador em lay-off tem direito ao subsídio de férias regular. De acordo com o disposto no art. 306.º, n.º 1 e 2 do Código do Trabalho, o trabalhador em lay-off tem direito a férias, assim como tem o direito ao correspondente subsídio de férias.

Quanto ao valor que tem direito a receber - total ou o proporcional ao que está a auferir - a resposta também é clara.

O trabalhador tem direito a receber o subsídio de férias a que teria direito em condições normais de trabalho, ou seja, nos mesmos termos e condições que teria, se não tivesse sido abrangido pela medida de suspensão do seu contrato ou pela redução do período normal de trabalho.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG

Patrocinado

Apoio de