Gaffe de A Pipoca mais Doce incendeia redes sociais e dá processo

A autora do blogue A Pipoca mais Doce é a protagonista do mais recente escândalo de redes sociais em Portugal. Ana Garcia Martins criticou de forma impiedosa o visual de uma jovem que esteve na cerimónia dos Óscares, em Los Angeles, e que passou pela passadeira vermelha.

"E pronto, não é preciso procurar mais, está escolhido o terror da noite. Esta pequena, de seu nome Sofia Alves (podia perfeitamente ser a nossa Sofia Alves, que também é uma bimbalhona do pior) teve um surto de febre e, em delírio, decidiu apresentar-se assim na passadeira vermelha. Collant opaco, saia da Pimkie, uma camisola básica da H&M e o gorro do irmão mais velho que assalta carros à noite. Estou de boca aberta", escreveu a autora sobre Ana Sofia Alves, de 16 anos.

As críticas passariam incólumes se fosse uma questão de moda. Mas a jovem tem um tumor na clavícula e foi levada aos Estados Unidos pela associação Make-a-Wish, que realiza sonhos de jovens com doenças graves. Ana Sofia esteve internada no Instituto Português de Oncologia e continua a lutar contra a doença.

Embora Ana Garcia tenha retirado o comentário e publicado um pedido de desculpas, a história está a correr o Twitter e o Facebook, com muitos cibernautas indignados. Na página de Facebook de A Pipoca mais Doce, Ana Garcia foi obrigada a apagar insultos, embora se mantenham na última publicação vários comentários que fazem referência à gaffe, chamando a autora de "fútil", "infeliz" e "triste", entre outros adjetivos.

Adicionalmente, Sofia Alves, uma das mais conhecidas caras da televisão portuguesa, garante ao site A Televisão que vai processar a bloguer pelos comentários que considerou ofensivos - ao chamar-lhe "bimbalhona do pior". No Facebook, Ana Garcia gracejou com a possibilidade de um processo: "Xinapá,

vai ser espectacular ir a tribunal discutir se a queixosa tem ou não

falta de estilo. Como é que isso será aferido? Será que inclui desfile

de looks na sala de audiências?", escreveu.

No site, continua disponível o pedido de desculpas: "Quando, na noite dos Óscares, comentei a roupa da Sofia Alves, tal como

comentei a de tantas outras pessoas, não fazia a mínima ideia de quem

era. Estava longe de saber que era portuguesa, menos ainda que era uma

adolescente que sofre de uma doença grave e que foi aos Óscares

integrada no programa Make a Wish, uma associação que se dedica a

realizar sonhos", escreveu a bloguer após a gaffe.

"Ainda assim, não fiz qualquer juízo de valor

relativamente à Sofia até porque, como disse, não fazia ideia de quem

era (nem sequer faço ideia se tem ou não um irmão, atirei para o ar) nem

é para isso que servem os comentários aos Óscares. Limitei-me, como

sempre, a comentar as roupas, como faço todos os anos, e à minha maneira

(que pode não ser a mais simpática ou fofinha para a grande maioria,

mas é a minha)", justificou-se.

"Assim que a primeira pessoa me enviou um comentário a

alertar para a situação, apaguei o post de imediato, como me parece

normal. Porque, apesar de se limitar a falar de trapos, percebi que a

pessoa em causa podia sentir-se melindrada, e bem lhe bastam os

problemas que já tem. Vi a imagem da Sofia no site de onde estava a

tirar as imagens e publiquei-a juntamente com todas as outras. Mea culpa

por não me ter informado previamente de quem se tratava, mas o que não

faltam nos Óscares são pessoas desconhecidas do grande público", continuou.

"Gostava

apenas de sublinhar que, como é óbvio, não critiquei intencionalmente a

roupa de uma miúda que padece de uma doença, como muita gente quer fazer

crer. É preciso ser-se um bocadinho retorcido para pensar "ai, espera

lá, a rapariga tem uma doença grave, deixa-me cá ir gozar com a roupa

dela para ela se sentir um bocadinho pior". É óbvio que não foi isso que

fiz, caso contrário nem sequer teria retirado o post ao fim de poucos

minutos. Fico feliz por a Sofia ter cumprido o sonho dela (e parabéns à

Make a Wish por o ter concretizado), envio-lhe o meu pedido de desculpas

caso se tenha sentido ofendida e desejo-lhe, do coração, as melhoras e

tudo de bom."

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG

Patrocinado

Apoio de