Há vida para além da PUB

Gonçalo Martinho revela os segredos do ABC Publicidade

Header

O diretor de arte da FCB Lisboa revela os segredos do projeto que reuniu 26 publicitários e estrategas sobre o que 'afinal o que é a publicidade'

Gonçalo Martinho é diretor de Arte na FCB Lisboa e acaba de lançar o ABC Publicidade, um dicionário criativo que revela os ‘segredos’ do sector da publicidade pela voz de publicitários e estrategas. Textos acompanhados por ilustrações.

O ABC Publicidade pode ser seguido no Tumblr e no Behance e todas as quintas-feiras são publicados quatro textos e ilustrações.

Ao Dinheiro Vivo Gonçalo Martinho conta como tudo começou e quais os próximos passos do ABC Publicidade: uma exposição e um livro estão nos planos do diretor de arte.

Gonçalo Martinho

Gonçalo Martinho

Leia aqui na íntegra:

Como começou
Acho que da mesma maneira que muitas outras ideias, do nada. Existe uma quantidade de pessoas incríveis nesta área com quem gostava de trabalhar, mas a verdade é que por muitos anos que trabalhe vai ser impossível trabalhar com todas. Então acho que isto foi uma forma de conseguir fazer colaborações com vários profissionais que admiro para construir algo com um bom propósito.

Objetivo
O objetivo é dar a conhecer a publicidade por dentro a quem está de fora. Assim, simples.
Nos últimos anos, talvez décadas, a publicidade tem sido muitas vezes mal vista por parte da maioria das pessoas. E não menos vezes isso acontece de forma injusta. Por isso a ideia é dar a conhecer pessoas que trabalham nisto e o que realmente fazemos, um olhar de dentro sobre esta área que nos é tão querida. Para além disso, o objetivo passa também por fazer um mix entre pessoal que está nos primeiros anos de carreira mas com muito potencial e malta que já venceu tudo (mesmo tudo) neste mercado. E isso é uma experiência muito engraçada de ser feita.

Pessoas envolvidas
Ao todo foram envolvidas 27 pessoas. Eu fiquei com a idealização, organização e direção de arte do projeto e depois convidei 26 copywriters e estrategas para escreverem sobre temas que eles próprios escolheram, o que tornou o desafio muito mais interessante para eles e também para mim. Acho que o resultado final ganhou com isso. Cada um ficou responsável por escolher uma letra, uma palavra relacionada com a área começada por essa letra e depois escrever um texto sobre o tema.

Curiosidades
Foi difícil gerir as escolhas das palavras, porque por vezes houve palavras diferentes, escolhidas por pessoas diferentes, mas que significavam o mesmo. Então alguém teve de abdicar da primeira escolha. Foi um jogo de gestão giro mas um pouco exigente para tudo ter uma certa coerência no final. E confesso que gerir os prazos de entrega dos textos foi a parte mais difícil, porque todos fizeram isto de boa vontade e por quererem apenas ajudar-me a fazer isto acontecer, mas demorou… houve inúmeras trocas de emails e mensagens até conseguir reunir tudo.

Uma das coisas que mais gostei nisto foi precisamente falar com vários criativos que já admirava mas não conhecia. E foi surpreendente ver que todos foram fantásticos, todos quiseram ajudar e todos se mostraram interessados no trabalho. É bom saber que há gente com tão boa onda a trabalhar nisto.

Próximo passo
Uma exposição, claramente. Acho que o trabalho merece isso porque tem de facto pessoas muito interessantes que colaboraram para fazer isto acontecer e que escreveram textos com muita qualidade que merecem que isso aconteça. Não sei onde, nem quando, nem como ainda, mas é algo que tenho como objetivo para este projeto após o final do seu lançamento. Para além disso, seria muito interessante ter edições físicas do projeto (um mini livro por exemplo). Havendo essa oportunidade, seria um passo interessante para o trabalho.”

Comentários
Outras Notícias que lhe podem interessar
Hoje
Lisboa. MÁRIO CRUZ/LUSA

Défice externo até julho agrava-se para 1633 milhões de euros

Lisboa. MÁRIO CRUZ/LUSA

Défice externo até julho agrava-se para 1633 milhões de euros

EDP. (REUTERS/Eloy Alonso)

Concorrência condena EDP Produção a multa de 48 milhões

Outros conteúdos GMG
Gonçalo Martinho revela os segredos do ABC Publicidade