publicidade

Pepsi retirou anúncio com Kendall Jenner. Nem a filha de Luther King gostou

A carregar player...

Campanha com Kendall Jenner desagradou. A Pepsi já retirou o anúncio com criatividade interna.

A Pepsi já emendou a mão e já retirou o anúncio com a modelo Kendall Jenner que ninguém gostou. Nem a filha de Martin Luther King que num tweet criticou a marca que se apropriou de referências do movimento Black Lives Matter.

“A Pepsi estava a tentar projetar uma mensagem global de unidade, paz e compreensão. Claramente, falhamos o alvo e pedimos desculpa”, disse a empresa num post no Twitter. “Não tivemos a intenção de aligeirar nenhum tema sério. Estamos a retirar o conteúdo e a parar qualquer rollout posterior.”

A modelo Kendall Jenner colocou o anúncio no seu canal no YouTube, tendo gerado desde terça-feira mais de 3,1 milhões de visualizações nesta plataforma, mas nem entre os fãs da modelo da família Kardashian o anúncio gerou unanimidade: houve mais ‘não gostos’ do que ‘gostos’.

Com criatividade interna do Creators League Studio, o anúncio de cerca de 3 minutos mostra Kendall Jenner numa sessão fotográfica ao mesmo tempo que nas ruas decorre um protesto. Manifestantes sorridentes, animados, conseguem cativar a atenção da modelo que, retirando a peruca platinada, se junta à manifestação. O clímax ocorre quando Jenner oferece uma lata de Pepsi a um dos polícias que aceita e bebe.

Situação que dificilmente corresponde à realidade. E a onda de críticas à marca não se fizeram esperar. A Pepsi, acusam, apropriou-se de imagens de protestos reais e minimizou a luta de milhares de manifestantes. A filha de Martim Luther King também se juntou às críticas.

O anúncio faz parte da nova campanha Live For Now que parte do pressuposto de que se deve celebrar a vida agora. Parece que participar em protestos é um desses momentos. Mas a associação da marca a Jenner, modelo celebridade, possivelmente a posicioná-la como a nova cara da bebida, à semelhança do que foi Cindy Crawford, e o tem do anúncio caiu mal nas redes sociais.

Antes de rebentar a polémica, Jenner dizia sobre a sua participação na campanha.”Estou entusiasmada por me juntar aos ícones que representaram a sua geração e trabalharam com a Pepsi”, disse. “Para mim a Pepsi, é mais do que uma bebida – é um ícone da cultura pop e de lifestyle que partilha uma voz com a geração de hoje. O espírito da Pepsi – vivendo no momento – é algo em que acredito. Faço um esforço consciente na minha vida e nas minhas viagens de apreciar todas as experiências”, garantia em comunicado, citado pela AdWeek. Mas as redes não apreciaram o seu estatuto de celebridade associado ao tema.

Comentários
Outras Notícias que lhe podem interessar
Hoje
16. Empregados de mesa

Oferta de emprego em alta no verão segura aumento de salários

Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa (Fotografia: José Coelho/ Lusa)

Marcelo aprova compra do SIRESP. Governo fica com “acrescidas responsabilidades”

draghi bce bancos juros taxas

BCE volta a Sintra para o último Fórum com Draghi na liderança

Outros conteúdos GMG
Pepsi retirou anúncio com Kendall Jenner. Nem a filha de Luther King gostou